A caminho de Gelsenkirchen

Hannover – 17h48 – Esta é a última nota que posto direto da cidade das feiras. Partimos amanha em direcao a Gelsenkirchen, como disse na primeira notícia de hoje. Aquela, que saiu duas vezes.
      Nosso primeiro compromisso naquela comunidade, sede da Universidade de Ciências Aplicadas, parceira da UFSM na área de empreendedorismo, será na noite de domingo. Deveremos chegar à tarde, manha aí em Santa Maria.
      O roteiro ainda é indefinido. O certo é que rumamos para o Sul, em direcao a Colônia, Dortmund, Dusseldorf. É o chamado Vale do Reno – rio que banha aquela regiao. Há a possibilidade de que entremos na Bélgica, passando por Bruxelas. Mas nem isso é certo. Depois, retornamos, no rumo noroeste para, quase na fronteira com a Holanda, chegarmos ao destino. Aliás, será na holandesa Amsterdan o nosso embarque, de volta ao Brasil, na noite (aqui) de quinta-feira, dia 21, feriado de Tiradentes.
      Para a viagem, contamos com um veículo grande, uma van previamente contratada pelo professor Alexandre Campos, da Incubadora Tecnológica de SM. Ele, inclusive (ufa, há algo definido), será o motorista. Persiste a dúvida sobre o navegador. Sao dois candidatos: o prefeito Valdeci Oliveira e a professora Nilza Zampieri. Por razoes que desconheco, ela nao é a preferida do motorista. Logo…
      Espero, ao longo do caminho, encontrar um tempo e, sobretudo, um local, para enviar novas notas a você. Se nao der, minhas desculpas antecipadas. Mas acesse. Pode ter surpresas. Se nao, até segunda-feira.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *