Em debate, a história operária do Rio Grande

As vagas são limitadas e vale a pena ir atrás da sua. A Seção Sindical dos Docentes da UFSM (Sedufsm), nos três primeiros dias de junho, promove, junto com o Departamento de História, da UFSM, a terceira edição da Jornada sobre a história do trabalho no Rio Grande do Sul.

E o melhor de tudo: as inscrições, abertas a todos os interessados, é gratuita. Leia, a seguir, material distribuído aos veículos de comunicação, pela Assessoria de Imprensa da Sedufsm:

SEDUFSM e departamento de História promovem Jornada de História do Trabalho no RS

A Seção Sindical dos Docentes (SEDUFSM), junto com o departamento de História da UFSM e o Grupo de Trabalho (GT) Mundos do Trabalho da Associação Nacional de História (ANPUH-RS) promovem nos dia 1, 2 e 3 de junho a III Jornada de História do Trabalho no Rio Grande do Sul. O evento, que tem vagas limitadas, é aberto a acadêmicos, sindicatos e movimentos sociais. As inscrições gratuitas podem ser feitas na SEDUFSM (fone 3222.5765 ou endereço eletrônico sedufsm@terra.com.br). A Jornada tem o apoio do Centro de Ciências Sociais e Humanas (CCSH) da UFSM.

A programação é a seguinte:

Quinta, 1º de junho
19h- Palestra: “Os desafios atuais da História do Trabalho” Profº Dr. Cláudio Henrique de Moraes Batalha (Historiador da Universidade Estadual de Campinas)

Sexta, 2 de junho
19h- “Curso de História operária no Rio Grande do Sul: do trabalho escravo ao Estado Novo”
Profª Dra. Regina Célia Lima Xavier (Departamento de História da UFRGS)
Profª Dra. Isabel Aparecida Bilhão (Departamento de História e Geografia da Universidade de Caxias do Sul)
Profº Dr. Benito Bisso Schmidt (Depto de História da UFRGS)

Sábado, 3 de junho
9h- “Curso de História Operária no Rio Grande do Sul: do trabalho escravo ao Estado Novo”
Profª Dra. Beatriz Ana Loner (Departamento de História e Filosofia da UFPEL)
Profº Dr. Diorge Alceno Konrad (Departamento de História da UFSM)
Profª Dra. Glaucia Vieira Ramos Konrad (Historiadora e Arquivista). “



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *