Arquivo

Casa de Saúde. HC garante 89 leitos já na próxima semana. Convênio assinado nesta sexta

Se isso não é uma boa notícia, difícil saber qual seria: já na próxima semana (apesar dos incríveis, inacreditáveis, lamentos do Conselho Municipal de Saúde) haverá 89 leitos disponíveis na Casa de Saúde, para atendimento aos pacientes do Sistema Único de Saúde.

 

Já são 52 leitos, em Maternidade, Clínica Geral e Pediatria. Com os restantes, o total de leitos anterior ao fechamento da Casa já poderá ser utilizado. E, para chegar aos 170, inclusive 10 de Centro de Terapia Intensiva, já houve encaminhamento do pedido de credenciamento, a ser concedido pela Secretaria Estadual de Saúde.

 

Essas informações, todas, foram fornecidas nesta sexta-feira, no momento em que o convênio, aprovado pela Câmara de Vereadores, foi assinado pelo prefeito municipal, Valdeci Oliveira, pelo provedor do Hospital de Caridade (que passa a gerir a instituição fundada pelos ferroviários), Renato Barros, e pelo presidente da Cooperativa dos Funcionários da Viação Férrea, Adão Ledesma de Melo.

 

Mais detalhes do evento desta sexta-feira, e seus desdobramentos, você encontra no material distribuído aos veículos de comunicação pela assessoria de imprensa da Prefeitura. O texto é de Daiani Ferrari. Confira, a seguir:

 

“Convênio da Casa de Saúde é assinado e garante melhorias nos atendimentos de saúde pelo SUS na cidade

 

Na manhã desta sexta (15) foi dado mais um passo para a melhoria nos atendimentos de saúde na cidade. O convênio que prevê a forma de administração do Hospital Casa de Saúde, com a parceria entre Prefeitura, Hospital de Caridade (HC) e Cooperativa dos Empregados da Viação Férrea (Coopfer), foi assinado pelo Prefeito Valdeci Oliveira, o provedor do Hospital de Caridade, Renato Barros, e o Presidente da Coopfer, Adão Ledesma de Mello.

Com este convênio, que teve compromisso firmado no dia 7 de maio, a Casa de Saúde foi reaberta no dia 17 de maio. Conforme o Prefeito Valdeci Oliveira, durante as negociações para definição de como ficaria a gestão da Casa de Saúde foram levados em consideração três pontos fundamentais para a administração. “O convênio só poderia ser assinado se a Casa atendesse rigorosamente pelo SUS, se a regulamentação dos leitos fosse pública e que os direitos dos funcionários fossem preservados”, salientou o Prefeito, afirmando que estes pontos foram preservados e por isso esta assinatura hoje.

Atualmente, o hospital conta com 52 leitos ocupados, nas alas de atendimento adulto, infantil e obstetrícia. Segundo o diretor técnico do HC, João Flávio Bissacotti, na próxima semana, o número de leitos deve aumentar para 89, contemplando todos os atendimentos cirúrgicos que o perfil do local permite, como cirurgias vasculares, ortopédicas, plásticas, entre outras especialidades. Bissacotti ainda destacou que desde o dia 21 de maio, data em que os pacientes começaram a ser transferidos para a Casa de Saúde, 84 contas de alta de pacientes já foram encaminhadas ao SUS.

O provedor do HC, doutor Renato Barros, fala que hoje é o dia da consolidação do termo de compromisso assinado entre as instituições, e ressalta também o empenho e coragem de luta do Prefeito Valdeci para reabrir o Hospital. Ele também já projeta o futuro a partir desta assinatura. “Desde já estamos estudando para o futuro um melhoramento dentro da Casa de Saúde, transformando-a em um hospital estratégico e uma referência no estado em atendimentos de saúde”, salientou Barros.

Mais detalhes do Convênio para administração e funcionamento da Casa de Saúde:


Neste convênio ficou estabelecido que é de responsabilidade da Prefeitura de Santa Maria dispor R$ 60 mil mensais em recursos para a manutenção do Hospital, além de regulamentar os leitos, através da Secretaria de Saúde. Já o Hospital de Caridade irá dispor 170 leitos de média e baixa complexidade pelo SUS por 12 meses a partir da assinatura do convênio.

Para finalizar o ato de assinatura, que contou com a presença de secretários municipais, vereadores, representantes do Caridade, da Coopfer e da Casa, o Prefeito Valdeci frisou que a Prefeitura está apenas cumprindo a função social e assumindo seu compromisso de dar condições aos mais necessitados. “Não estamos fazendo convênio com grandes empresas ou empresários. Estamos fazendo um convênio que contemple os mais pobres que não têm leitos em Santa Maria”, concluiu.”

 

SUGESTÃO DE LEITURA – clique aqui, se desejar conferir outras informações oriundas da assessoria de imprensa da Prefeitura.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo