Arquivo

Reforma política. Lula e este sítio concordam. Só com constituinte. Ele tem poder para propor

Já disse e escrevi trocentas vezes: não acredito em reforma política produzida pelo atual Congresso. E a razão é simplíssima: não vejo como alguém possa propugnar mudanças que, em tese, prejudicarão o autor. Com as exceções (elas existem, mas poucas) é o que temos na Câmara dos Deputados e no Senado. Logo, para haver reforma efetiva, só com alguém sendo eleito com essa atribuição. Portanto, a necessidade seria uma assembléia constituinte exclusiva para esse fim.

 

Parece que este (nem sempre) humilde sítio não está sozinho. Afinal, pensa o mesmo o Presidente da República. Com uma diferença: o repórter só pode escrever ou falar; Lula tem o poder de sugerir. É o que ele estaria fazendo, conforme informação de Leandro Mazzino, publicada no Jornal do Brasil e reproduzida pelo jornalista Ricardo Noblat. Acompanhe, a seguir, a íntegra:

“Reforma: Lula pede Constituinte

O presidente da República , Luiz Inácio Lula da Silva, voltou a afirmar que só uma Assembleia Constituinte poderá tocar uma reforma política de verdade. Pediu que agora o projeto seja para valer. A sugestão foi dada para dois aliados durante um jantar na residência oficial do presidente da Câmara, Michel Temer (PMDB-SP), segunda-feira, dia 8. Lula evitou criticar o Congresso, mas desabafou: “Para ter uma reforma política, acho que a alternativa é mesmo convocar uma Constituinte”. O recado foi levado adiante.

Será protocolada, terça-feira, na Câmara, uma PEC com cerca de 300 assinaturas, propondo a Constituinte exclusiva, para 2011, com prazo de oito meses, a fim de que cheguem a um consenso sobre fidelidade partidária, financiamento público, lista aberta ou fechada, voto distrital, entre outros pontos.”

 

SUGESTÃO DE LEITURA – confira aqui, se desejar, também outras notas e artigos publicados pelo jornalista Ricardo Noblat.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo