CulturaPrefeituraUFSM

CULTURA. Feira do Livro homenageará 1° patrono, o reitor-fundador Mariano da Rocha

Reitor-fundador foi o primeiro patrono

Uma interessante iniciativa, a dos organizadores da edição 2011 da Feira do Livro. O homenageado, ao lado das patronesses, inclusive da feira infantil, festejará – e é justo que assim seja – o primeiro patrono do evento, realizado em 1973: o reitor-fundador da Universidade Federal de Santa Maria, José Mariano da Rocha Filho.

A propósito da homenagem, e um pouco de Mariano, você encontra no material produzido pela Coordenadoria de Comunicação Social da Prefeitura. O texto é de Maria Luiza Guerra, com foto retirada do sitio da UFSM na internet. A seguir:

Feira do Livro: 16 anos depois, primeiro patrono do evento é o Homenageado

A Feira do Livro de Santa Maria teve sua primeira edição em 1973 e por muito tempo foi um evento literário de pequeno porte. O encontro entre escritores e eleitores foi evoluindo e tomando maiores proporções na cidade. Com isso, a comissão organizadora decidiu, em 1995, conferir os títulos de patronos e homenageados para personalidades de destaque no âmbito literário.

O primeiro patrono da Feira do Livro de Santa Maria teve seu nome rememorado em 2011 e será o Homenageado na próxima edição do evento: José Mariano da Rocha Filho. O médico, educador, fundador e ex-reitor da Universidade Federal de Santa Maria, é membro de uma das mais tradicionais famílias do Rio Grande do Sul e mudou o rumo do ensino superior no Estado. Em 1931, Mariano da Rocha foi para Porto Alegre cursar medicina e retornou a cidade coração do Rio Grande do Sul em 1938, onde passou a atuar como médico e lecionar na Faculdade de Farmácia de Santa Maria.

A luta pela criação de uma universidade em Santa Maria foi encerrada em 1961, com a primeira instituição de ensino superior fora do eixo de capitais brasileiras. Maria Izabel Mariano da Rocha, filha do Homenageado, disse que o pai é um orgulho e um exemplo para todos. “Toda a família ficou muito feliz com o título. Ele foi o primeiro patrono do evento litério e é emocionante para nós ”, conta Maria, que em seu mestrado, atualmente, desenvolve uma biografia sobre José Mariano da Rocha, que faleceu em 1998, em sua residência.

A patronesse da Feira do Livro Adulta de Santa Maria é a professora doutora em Letras Lígia Militz da Costa; a patronesse da Feira do Livro Infantil é a professora Nilta de Fátima Hundertmark Graciolli. E a “Professora Homenageada” é Maria Eulália Albuquerque. A abertura da maior festa literária da cidade acontece no dia 30 de abril, na Praça Saldanha Marinho.

Em 2011, a Feira, que traz o tema “Deixe a Leitura entrar na sua História”, promete um mar de cultura para todos os gostos com lançamento de livros, desconto de 20% nas publicações, peças de teatro, entrevistas com personalidades e Hora do Conto para as crianças. A Prefeitura Municipal de Santa Maria é promotora da Feira do Livro 2011, evento que é subsidiado com recursos da Lei de Incentivo à Cultura (LIC).

Algumas publicações de José Mariano da Rocha

“UFSM, A Nova Universidade”, em 1962
“Universidade para o Desenvolvimento”, em 1973
“Tem pesquisa sobre a educação”, publicada no Livro do Ano Barsa, em 1974
“Ensino e Comunidade pela Universidade de Guadalajara”, no México, em 1975
“La terra, el hombre y la educacion”, pela Universidade de Guadalajara, em 1977
Apresenta trabalho “La universidad y las reformas politicos-sociales” e publica “La profesionalizacion y el mercado del trabajo”, ambos no México, em 1979
“A Terra, o Homem e a Educação”, em 1993”

SIGA O SITÍO NO TWITTER

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo