Prefeitura

PRAÇA E VILA BELGA. Pimenta festeja obras municipais que contam com troco de emendas dele

O deputado federal Paulo Pimenta, segundo nota de sua assessoria, dá conta dos recursos viabilizados a partir de emenda parlamentar por ele apresentada, para a revitalização da Praça da Vila Kennedy. A ordem de serviço será assinada hoje, pelo prefeito Cezar Schirmer.

Aliás, o petista também comemora o inicio das obras de revitalização da Vila Belga. A ordem de serviço será assinada amanhã, no final da tarde, pelo prefeito da comuna. Nesta são cerca de R$ 675 mil (com contrapartida de R$ 313 mil do município). Na praça, o investimento é de (sempre em números redondos) R$ 50 mil, com R$ 41 mil provenientes de emenda de Pimenta.

Mais detalhes sobre as duas obras você pode ter de material PUBLICADO no sítio da prefeitura:

DIA 16 DE ABRIL (SÁBADO)

18h-Ordem de Serviço Revitalização da Praça da Vila Kennedy
Local: Praça Nonoai

Localização da Praça: Rua São Cristóvão esquina da Rua André da Rocha – Vila Kennedy – Bairro Salgado Filho
Valor total da obra: R$ 50.367,94
Verba da União/Emenda Parlamentar do Deputado Paulo Pimenta-Valor: R$ 40.922,07
Contrapartida do município: R$ 9.443,87
Área a ser revitalizada: 351,30 m²
Empresa Vencedora: Betonart Construções e Pavimentações Ltda
Melhorias: Limpeza e retirada de vegetação indevida; colocação de vegetação (forração) rasteira; novos canteiros, colocação de bancos; lixeiras; pavimentação; iluminação e acessibilidade com construção de meio-fio e rebaixamento de calçada e construção de abrigo de ônibus.

DIA 16 DE ABRIL (SÁBADO)

18h- Assinatura Ordem de Serviço da Revitalização da Vila Belga
Valor total da obra: R$ 988.312,60
Repasse da União/Emenda deputado Paulo Pimenta: R$ 675 mil
Contrapartida do município: R$ 313.312,60
Melhorias: O projeto, elaborado pelo Escritório da Cidade (EC), prevê a recuperação dos passeios públicos; criação de rampas de acessibilidade; construção de totens de entrada com a história da região; instalação da iluminação pública com fiação subterrânea e calçamento da Rua Doutor Wauthier. Além disso, as ruas Manoel Ribas, Doutor Wauthier, Eernesto Beck e André Marques serão repaginadas.”

SIGA O SITÍO NO TWITTER

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

12 Comentários

  1. VILA BELGA, VIDA MINHA!
    Que saudades da aurora da minha vida, da minha Vila Belga querida, quatro ruas; Dr. Wauthier, Ernesto Becker, Manoel Ribas e André Marques, 84 casas, tantas famílias, Nestas ruas, nasceram,moraram,nascem e moram anjos meninos e meninas em cada rua muitas alegrias, quantas lembranças, quanta saudade.
    Rua_ Dr. Wauthier, era o final dos anos 20, em 1928, na casa em frente à associação nasce um anjo menina, minha saudosa mãe Janor. Associação dos Empregados da Viação férrea, grande clube muito confete, muita serpentina, muitas rainhas e a sempre rainha e miss Wanda Portalet com charme e beleza comandava o espetáculo.
    Rua – Ernesto Becker, em 1927 nasceu meu inesquecível pai Armando Nunes Alves o Armandinho, era 1954 quando cheguei a Ernesto Becker lá já estava minha irmã Helenita depois vieram Sérgio e Maria Luiza e nós meninos e meninas, meus primos Emilio , Ana Luiza, M Cristina e André Luiz mais Alonso. Vilma, Carmen < Silvia e Jefferson Bodini da Rosa, nascidos na Manoel Ribas e na Rua André Marques mais os amigos, Fernando Beltrame, Luiz Carlos (melinho), Cacaio, Iran, a Tânia, Gilca (Quinha), Martinha, Beatriz, Beto e Flávio Galhardo, a Rose e a Rejane Mafiolleti o Reni Wolff, O Cláudio e a Fátima Lima, a Ângela e os irmãos Abelim, Evinha, Orlando, Adão Acost
    Oto e T ânia, Cezar Guterres, Augusto, Berenice o Tonico e tantos outros passamos nossa infância no burburinho da Alfaiataria com o vai e vem das costureiras e alfaiates o ruído constante das maquinas de costura era música, os carretéis de linha de todos os tamanhos e cores ,como se fossem diversos arcos íris ,lúdicos e inesquecíveis momentos! Ainda na Dr..Wauthier o SAMDU (Atendimento médico domiciliar de Urgência) que fazia parte de um complexo de saúde existente naquela região composto , pela farmácia da cooperativa , posto de saúde ambos no final da André Marques e Manoel Ribas completados pelo atendimento de especialidades médicas Pediatria e ginecologia na rua sete de setembro em um prédio ainda hoje existente bem ao lado da passagem dos trilhos.
    Rua: Manoel Ribas. A Cooperativa dos Empregados da Viação Férrea (COOPFER), a maior da América Latina, secos e molhados num grande supermercado com gêneros alimentícios de toda natureza, muito Bacalhau! Móveis, roupa, sapatos, tinha de tudo para a família ferroviária, ainda na M. Ribas um túnel que ligava a vila a gare da estação, neste túnel a pequena padaria, logo em 1961 substituída na inauguração da grande padaria no prédio de dois pisos ainda hoje existente, ah! O pão francês, suíço tinha até o pão cabrito e o biscoito guarda-freio, quantas guloseimas e que festa de inauguração maravilhosa.
    Ernesto Becker; o campinho na frente da lateral do Maneco quantas aventuras, de lá se visualizava o movimento dos trens e os morros da pedreira do Link e o monumento dos ferroviários, lá jogávamos muita bolita e muito futebol. No final da rua a fábrica de café saboroso de inigualável e inesquecível, sabor, tinha também ao lado a fábrica de sabão e o açougue na esquina com todos os tipos de carnes que eram compradas s e levadas para casa e m pratos ou no gancho especifico para isto. Por fim,
    Rua André marques: No inicio dela, junto ao final da M. Ribas a lenheira, comercializava também querosene, e benzina, grande movimento de Ca roças e carroceiros por vezes agressivos com os cavalos; eram severamente repreendidos por nós meninos que franzinos, mas defensores dos animas,usando bodoques com bolinhas de cinamomo de alguma forma evitávamos os maus tratos, logo na outra quadra o Grupo Escolar João Belém formador de tantos homens e mulheres com marcante vida pública, Obrigado dep.
    Paulo Pimenta, obrigado Escritório da cidade Parabéns Prefeito Cezar Schirmer por devolver a alegria e a dignidade da aurora das nossas vidas!!

  2. de cinamomo de alguma forma evitávamos os maus tratos, logo na outra quadra o Grupo Escolar João Belém formador de tantos homens e mulheres com marcante vida pública, Obrigado dep.. Paulo Pimenta, obrigado Escritório da cidade Parabéns Prefeito Cezar Schirmer por devolver a alegria e a dignidade da aurora das nossas vidas!
    Moacir da Rosa Alves,
    Cirurgião-dentista .

  3. ATENÇÃO, GENTE: às vezes, penso que é de propósito. Vamos fazer o editor trabalhar, deve ser o pensamento de uns e outros, que insistem em quebrar as regras (não escritas, mas de resto bastante conhecidas) do sítio. Agora, por exemplo, acabo de veter DOIS comentários de um leitor que se assina como “Gaúcho”. Ele queria publicar texto TOTALMENTE em maiúsculas, o que todos já deveríamos saber que é proibido. O mesmo leitor teve outros DOIS comentários vetados em outras notas, pelo mesmo motivo. QUE TAL colaborar, gente?

  4. Baxinho da Borracharia :Prá mim isso aí e uma oficina e não uma fábrica, quero ver se no dia em que eu botar uma recapadora vão fazer tanto barulho.O Schirmer por qualquer coisa faz um carnaval!

    Carnaval? Isso me lembra “80 mil” motivos…agora de que e porque, ninguem ainda sabe dizer.

    Ninguem de fora do 7º andar é claro.

    Mas é como estão dizendo por ai, 20 aqui e 80 la, acho que o Sr. Prefeito se candidatou para o cargo na cidade errada.

  5. Leonel, esse investimento só veio pra cá pq o Governo Federal concentrou os Leopard aqui. Essa caiu no colo do prefeito que se dizia amigo de tudo que é empresário e que por isso eles viriam pra cá…

  6. Prá mim isso aí e uma oficina e não uma fábrica, quero ver se no dia em que eu botar uma recapadora vão fazer tanto barulho.
    O Schirmer por qualquer coisa faz um carnaval!

  7. Assim, fica fácil administrar. Além do Pai Lula, Mãe Dilma tem Padrinho generoso: Pimenta, que volta e meia garante recursos para Santa Maria. Reclamar do Governo Federal e do PT é uma arrogância e menosprezo.

  8. Após uns dias de férias pelo, retornoa Santa Maria e começa me inteirar das novas. Para minha surpresa vi nos jornais de ontem que o PREFEIRO SCHIRMER esteve no Rio oficializando a instalação da fábrica de blindados KMW em Santa Marai, uma dos fatos mais marcantes em meu ver este ano, isto é o começo de muitas em´presas que virão e pelo que vi o colunista desde site ~~ao comentou nada porque será?
    (NOTA DO SÍTIO – o leitor lê só o que lhe convém. O que é um direito dele. Mas talvez fosse o caso de ler tudo – inclusive para não cometer injustiças)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo