CidadaniaPartidosPolíticaSanta Maria

UAC EM DISPUTA. Espera-se 10 mil eleitores para escolher o comando do movimento comunitário de Santa Maria

Será nesta terça-feira, feriado. Sem chuvas previstas, e uma mobilização poucas vezes vista, não é improvável que se alcance o número mágico de 10 mil eleitores (dos quase 55 mil aptos), a quase totalidade na periferia da cidade, saindo de casa para escolher o novo comando da União das Associações Comunitárias, a tradicionalíssima UAC.

É possível imaginar ou, mais que isso, afirmar, que algumas coisas diferentes das anteriores estejam acontecendo nesta eleição. É verdade que não se pode colocar tudo no mesmo balaio, mas é indiscutível que a UAC está se movendo. Para onde? Bueno, o resultado do pleito pooode ser um indício. Não o único, nem o principal talvez, mas importante. E disso não há dúvida.

Trata-se de direção colegiada. Mas também é correto afirmar que o comando é fundamental. E aí, bem, aí é que houve o racha dos atuais dirigentes. Pode-se buscar nas propostas “de governo” alguma divergência. Mas elas, basicamente, são muito parecidas, conceitualmente. Então… Então, sobram as diferenças partidárias dos militantes nelas engajados.

Mais o repórter prefere não avançar. Por não ter condições. E por supor que o futuro próximo trará respostas às eventuais dúvidas do momento. Fiquemos, então, com a composição das chapas – ambas surgidas a partir da atual direção da entidade.

CHAPA 1 – UNIDADE COMUNITÁRIA

O principal nome é Rodrigo de Lima dos Santos, também conhecido como Rodrigão. Filiado ao PT, milita na associação da vila Jockey Club. Outro importante no grupo é Adelar Vargas, apontado como próximo secretário de Ação Comunitária da Prefeitura. Bolinha, seu apelido, é figura histórica do PMDB.

Aos dois grandões da chapa juntam-se militantes dos partidos de ambos e também do PDT, do PV e do PC do B. Ah, e até os sem filiação partidária, não é demais lembrar.

CHAPA 2 – RENOVAÇÃO COMUNITÁRIA

Aqui, o nome principal a pontear o grupo considerado, digamos, oposicionista, é de outro veterano da causa comunitária. Trata-se do técnico em contabilidade Júlio César Nunes da Silva, filiado ao PPS e que atua na Associação Comunitária do Residencial Lopes.

De nome mais ou menos conhecido no movimento comunitário, também compõe o grupo Elton Chaves, do PSDB, que atua prioritariamente na zona norte. Ah, além de tucanos e ex-comunistas (como o editor historicamente chama os atuais militantes do PPS), também estão junto na chapa apoiadores do PTB, do PSB e do PTL.

OPINIÃO CLAUDEMIRIANA: seja qual for a chapa vencedora, não é demais supor que tenhamos uma direção ponderada no movimento comunitário. Não, nada de arroubos revolucionários. Qualquer que seja o vencedor, o diálogo com a prefeitura será possível. Basta ver a composição partidária/ideológica dos dois grupos. Ah, e o pleito tem um favorito, sim. No caso, a Chapa 1. Vai vencer? Bueno, aí só com o resultado das urnas.

SIGA O SITÍO NO TWITTER

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

10 Comentários

  1. gente, o debate é o seguinte: UAC de hoje e a de ontem e a que pode vir a ser se estiver na mão dos mesmos, que organizaram a “histórica eleição fraudulenta da UAC”,OU OS QUE PODEM RENOVAR E TRAZER UM NOVO JEITO DE ORGANIZAR A ENTIDADE. é isso!

  2. @Marionaldo da Costa Ferreira
    Camarada Marionaldo, antes de ser um agente politico-partidario, sou um cidadão e defendo o melhor para minha comunidade e meu povo e como comunitarista me é impossivel aceitar uma situação destas e apoiar uma chapa que é tbem responsavel pelo “afundamento” da UACSM. A situação da entidade esta deploravel, vergonhosa. Sequer o prédio onde funciona a entidade apresenta condições dignas. Realmente uma situação deploravel.

  3. @Armando Guerra
    Camarada, é logico que cada um tem sua preferência politico-partidaria, assim como temos nossas opções religiosas e futbolisticas. No entanto o que eu quero dizer é que enquanto comunitaristas não podemos ter posições partidarias e atrelamentos politicos. A maior prova de que essa combinação não funciona é a própria UACSM, que não funcionou no periodo em que o PT era Governo e os Coordenadores da entidade eram diretamente ligados ao Governo Municipal,não funcionou nesta gestão Pmedebista, sendo que a maioria dos cargos da coordenação da UACSM possuem laços estreitos com o atual Governo. Essa situação apenas contribui para silenciar as demandas das comunidades. E as eleições de ontem provaram a insatisfação das comunidades para com a UACSM, uma vergonhosa participação que reflete a omissão, o descaso, a falta de compromisso com as comunidades e acima de tudo a indignação pelo atrelamento politico-partidario. Onde já se viu deixar que os partdidos decidam quem concorrerá aos cargos da UACSM? med digam se isso não é pura pretenção politica?

  4. Boa noite Baixinho.
    Sei lá quem é esse cidação, depois que a UAC em ecordo com o Ex Prefeito Valdeci mudou para a sede da nossa Associação achei que havia se extinguido. Ressutou na ante véspera das eleições municipais. Baixinho quem sabe tu sai candidato a Prefeito pelo PT, mas já aviso não conta comigo, do PT quero muita distância, eheheheh.

  5. Olá boa noite. A UACSM e a Prefeitura Municipal de Santa Maria se apropriaram do Prédio da Associação Santariamente Rádio Cidadão na Avenida Itaimbé, construido com o dinheiro dos Associados. Algo semelhante aconteceu no Governo Collares na Cohab Santa Marta, houve uma permuta do Prédio da Associação de Bairro pelo Posto de Saúde, o Goveno não honrou a permuta, e hoje a Associação está sem um local para fazer suas reuniões, nem vou falar nas festividades. Assim são os Governos, fazem os conchavos, e a as Associações que se explodam. Será que a UAC sabe dessa história da Associação da Cohab Santa Marta?

  6. Esse discurso do Jonis é bom mas chove no molhado, no fundo todo mundo observa os partidos e tem preferencia partidária, é pura conversa fiada quando um sujeito diz que não se envolve com política, num dado momentod da vida todo mundo procura ela por uma coisa ou outra.
    Estou de saco cheio também desse discurso que coloca a corrupção desse país toda no colo dos políticos,os brasileiros adoram levar vantagem em tudo, estacionam nas vagas reservadas aos cadeirantes, não pagam parquimetros,entram com carinho cheio na fila dos 10 itens, pedem aos idosos da família para pagarem suas contas no banco para evitar as filas,molham a mão dos guardas de transito,sonegam impostos,compram atestados médicos….ou o povo desse País toma vergonha na cara ou nada muda!

  7. Jonis Lemos :
    A disputa como sempre gira em torno do campo politico partidario o que lamentavelmente deixa em segundo plano os reais interesses das comunidades de Santa Maria. Para definir apoios e estratégias para o pleito ocoreram, inclusive diversas reuniões de lideres partidarios da cidade para analisar e deliberar pelo grupo que mais lhe convem “politicamente”. Inclusive o meu partido PCdoB optou por apoiar a reeleição da atual Coordenação, que esta representada pela chapa 1. Eu como discordo por completo deste atrelamento partidario que tem engesado a UACSM nestas 3 ultimas gestões fui e sou contrario a decisão de meu partido e estou compondo e apoiando a CHAPA 2, por uma renovação na politica comunitária. Vamos devolver a UACSM a seus legitimos donos: as comunidades.

    Parabéns pela coragem Jonis!!poucos fariam isso, teriam essa atitude mas ficariam quietos.Fico feliz pela tua sinceridade.

  8. Dez mil eleitores? Até pode ser, mas acho que fica mais perto de 5 mil. Fui votar, e quando um candidato me disse que sua chapa tinha o apoio de Luiz Figueiredo, votei na outra. A UAC não tem mais remendo.

  9. A disputa como sempre gira em torno do campo politico partidario o que lamentavelmente deixa em segundo plano os reais interesses das comunidades de Santa Maria. Para definir apoios e estratégias para o pleito ocoreram, inclusive diversas reuniões de lideres partidarios da cidade para analisar e deliberar pelo grupo que mais lhe convem “politicamente”. Inclusive o meu partido PCdoB optou por apoiar a reeleição da atual Coordenação, que esta representada pela chapa 1. Eu como discordo por completo deste atrelamento partidario que tem engesado a UACSM nestas 3 ultimas gestões fui e sou contrario a decisão de meu partido e estou compondo e apoiando a CHAPA 2, por uma renovação na politica comunitária. Vamos devolver a UACSM a seus legitimos donos: as comunidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo