CongressoPolítica

CADAFALSO. O fim cada vez mais inevitável à espera de Demóstenes, o ex-arauto da ética. Saiba por quê

Sim, tem o tal voto secreto, que pode, em tese, modificar posições na hora em que a proposição for votada no plenário do Senado. No entanto, parece cada vez mais complicada a situação do ex-arauto da ética, Demóstenes Torres, eleito pelo DEM de Goiás e que deixou o partido na esteira do escândalo com o bicheiro Carlinhos Cachoeira.

Primeiro, o parecer que pede que sua cabeça seja politicamente decepada, foi aprovado por unanimidade no Conselho de Ética. Agora, a tendência é que o mesmo ocorra no meio da próxima semana, quando o parecer, no mesmo sentido, do senador Pedro Tacques, do PDT do Mato Grosso, for analisado pela Comissão de Constituição e Justiça.

Depois disso, bem, depois é o plenário. Que tende a votar ainda neste mês de julho e definir a situação. Mais detalhes você tem no material produzido e distribuído pela Agência Senado. A reportagem é de Isabela Vilar. A seguir:

CCJ vota na quarta-feira relatório sobre cassação de Demóstenes

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) reúne-se na quarta-feira (4), às 10h, quando analisará o parecer do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar pela cassação do senador Demóstenes Torres (sem partido-GO). O relatório do senador Pedro Taques (PDT-MT), entregue na quinta-feira (28) à CCJ, é pela admissibilidade do parecer. Se aprovado o relatório, o Plenário decidirá, em votação secreta, se Demóstenes perde ou não o mandato.

A representação contra Demóstenes para apuração de comportamento incompatível com o decoro parlamentar partiu do PSOL. O argumento do partido foi de que o senador recebeu vantagens indevidas de Carlinhos Cachoeira, acusado de comandar uma organização criminosa, além de fornecer informações privilegiadas.

De acordo com o Regimento Interno do Senado, são necessárias cinco sessões ordinárias do Plenário do Senado para a apreciação da matéria pela CCJ, prazo que começou a contar na última terça-feira (26).  A entrega do relatório na quinta-feira, explicou Taques, atende ao regimento e permitirá aos envolvidos tempo para conhecer o conteúdo…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo