EconomiaEconomia Solidária

ECONOMIA SOLIDÁRIA (FINAL). Leia a íntegra da Carta que sintetiza o grande evento santa-mariense

Não faltaram, além dos produtos à disposição, foram debates que qualificaram o evento

Por Maiquel Rosauro, da Assessoria de Imprensa do Projeto Esperança

Projeto Esperança/Cooesperança divulga a Carta da 8ª Feira de Economia Solidária

O Projeto Esperança/Cooesperança divulgou nesta sexta-feira Carta da 8ª Feira de Economia Solidária do Mercosul e 19ª Feira Estadual do Cooperativismo. O tradicional documento redigido sempre ao final de cada Feira traz um relato das denúncias e propostas que estiveram em discussão nas reuniões, seminários e oficinas.

Os eventos de Economia Solidária foram realizados entre os dias 13 e 15 de julho, no Centro de Referência em Economia Solidária Dom Ivo Lorscheiter em Santa Maria/RS. Segundo a Brigada Militar, 170 mil estiveram presentes nos três dias de evento.

A Feira contou com participantes de oriundos de quatro continentes, 15 países, 27 Estados, 478 Municípios e 830 Grupos Expositores. Mais de 500 jovens participaram do 8º Levante da Juventude e 4.750 Empreendimentos Solidários estiveram representados em Rede.”

PARA LER A ÍNTEGRA DA CARTA DA 8ª FEIRA DE ECONOMIA SOLIDÁRIA, CLIQUE AQUI

CONFIRA AQUI CARTA DE AGRADECIMENTO FEICOOP

 

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo