ESTADO. Governo anuncia que investimentos na região central, até 2015, passarão de R$ 160 milhões

Do montante divulgado, a maior parte é destinada ao abastecimento de água e saneamento, por conta da Corsan. Mas há também recursos listados para os setores de saúde, educação e cultura. Para saber mais, inclusive dos valores e das áreas, acompanhe o texto assinado por Daiane Roldão, da assessoria de imprensa do Palácio Piratini. A seguir:

 “Investimentos para a Região Central ultrapassam R$ 160 milhões

Com mais de 391 mil habitantes e 12.402 quilômetros quadrados, a região central do Estado tem como principais atividades econômicas o cultivo de arroz e a criação de bovinos. Os investimentos do Governo do RS para os 19 municípios que compõem a região ultrapassam R$ 160 milhões. Até 2015, estão previstos R$ 117 milhões para o abastecimento de água e sistema de esgotamento sanitário pela Corsan, R$ 30 milhões para a saúde, R$ 25 milhões em editais de cultura e R$ 4 milhões em educação, além de outras ações adotadas para o desenvolvimento da região. 

Para 2013, a partir da Consulta Popular realizada este ano, a população votou em saúde, segurança pública, desenvolvimento urbano e saneamento como as prioridades para região. As cidades de Agudo, Dilermando de Aguiar, Dona Francisca, Faxinal do Soturno, Formigueiro, Itaara, Ivorá, Jari, Júlio de Castilhos, Nova Palma, Pinhal Grande, Quevedos, São João do Polêsine, São Martinho da Serra, São Pedro do Sul, Silveira Martins, Toropi, Tupanciretã e Santa Maria, sede da primeira universidade federal brasileira fora das capitais estaduais, integram a Região Central. 

R$ 117 milhões em saneamento e ações de combate à estiagem 

A Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) realiza investimentos na região. No município de Agudo, estão previstos R$ 117 milhões até 2015 e contemplam melhorias no abastecimento, obras de ampliação e ações para a estiagem. Na cidade de Dilermando de Aguiar, o investimento de R$ 77.940, resultou na obra de perfuração de poço. São João do Polêsine, Ivorá, São Martinho da Serra, Faxinal Soturno, Silveira Martins e Tupanciretã receberam R$ 80 mil cada, para equipar e perfurar poços e ampliar a rede de abastecimento…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.



2 comentários

  1. fabio

    TUPACIRENTÃ? central? ja nao seria alto jacui? sei la.. ta mais pra regiao de cruz alta que de SM. alias.. nem a tv local la pega de santa maria. e de cruz alta.

  2. Luiz

    Forçaram a barra hein?
    Só falta incluir Pelotas, Santa Cruz e Caxias na Região Centro.
    Interessante é que esse governicho PTista anuncia “investimentos” a toda hora… mas obra – que é bom – não se enxerga NENHUMA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *