ECONOMIA SOLIDÁRIA. Falta pouco para a Feira do Cooperativismo entrar no calendário oficial do Estado

Analisado, já, por duas comissões permanentes da Assembleia Legislativa, o projeto do deputado Valdeci Oliveira, que coloca a Feira Estadual do Cooperativismo, um dos grandes eventos da América Latina, voltados à economia solidária, no calendário oficial do Rio Grande do Sul, deve ser votado a qualquer momento.

Agora na Superintendência do parlamento, se não houver mais algum outro impedimento regimental, está apto a ser apreciado em plenário, como relata material produzido pela assessoria de imprensa de Valdeci. O texto é de Tiago Machado. Acompanhe:

Projeto de lei da Feicoop avança na Assembleia Legislativa, confirma Valdeci

O projeto de lei que inclui a Feira Estadual do Cooperativismo (Feicoop) – evento que é considerado um dos maiores do setor na América Latina e que acontece anualmente em Santa Maria – no calendário oficial de eventos do Rio Grande do Sul está próximo de ser apreciado em plenário pelos deputados estaduais.

De autoria do deputado Valdeci Oliveira (PT), o projeto recebeu parecer favorável da Comissão de Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia da Assembleia nesta terça (19). Foram 11 votos a favor e nenhum contrário. O relator do projeto na Comissão, deputado Adilson Troca (PSDB), salientou no seu pareceu que “em 19 anos de história, a Feicoop comprovou ser um evento de aprendizagem e, ao mesmo tempo, de divulgação de pensamentos e de modos de fazer e saber”.

Agora, a matéria, que já recebeu aval também da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Parlamento, será analisada pela Superintendência Legislativa da Casa, que definirá se o projeto tem que passar por alguma outra comissão legislativa ou se já está apto a ir a votação. “Como já passou por duas comissões, acreditamos que o projeto deverá ir a plenário ao longo do mês que vem”, afirmou Valdeci.

Para o deputado, a aprovação do projeto irá fortalecer o evento e também a própria política de Economia Solidária do Estado. “Hoje, depois de muita luta, a Economia Solidária e o Cooperativismo são políticas públicas nacionais e estaduais constituídas. O fortalecimento da Feicoop e o seu reconhecimento no Calendário de Eventos vai ser mais uma demonstração de que o nosso Estado valoriza e estimula o associativismo, a agricultura familiar, a produção colonial e muitas outras atividades que colaboram para um mundo mais justo e solidário”, disse o deputado.

Valdeci acredita que o projeto de lei da Feicoop também tenha aprovação unânime quando for apreciado pelo plenário da Assembleia Legislativa. Quando a data da votação for confirmada, ele irá convidar a coordenadora da Feicoop, Irmã Lourdes Dill, para acompanhar pessoalmente a sessão plenária da Assembleia Legislativa. Neste ano, a 20ª edição da Feicoop acontecerá de 11 a 14 de julho em Santa Maria e reunirá expositores de vários países.”



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *