TrabalhoTragédiaTrânsito

FLASH. Cris Hart luta bravamente pela vida, no HPS

Cris Hart recebe a força positiva de amigos e companheiros dela, dentro e fora do sindicato
Cris Hart recebe a força positiva de amigos e companheiros dela, dentro e fora do sindicato

Conversei agora há pouco, via feicebuqui, com o secretário do Sindicato dos Municipários, Renato Costa, que acompanha, em Porto Alegre, a presidente da entidade, Cristina Hart, que se ACIDENTOU na tarde passada na BR 158, proximidades de Livramento.

Transferida para o Hospital Pronto Socorro, Cris (como é mais conhecida) tem queimaduras em 60% do corpo e luta bravamente pela vida. Os sinais vitais não estão comprometidos, o que pode ser um bom indicador, ainda que a situação seja considerada bastante grave.

Há comprometimento do membro superior direito, no entanto a esperança é elevada. São muitas as mensagens que ela e seus companheiros do sindicato estão recebendo, especialmente da categoria municipária mas não só dela, de todas as maneiras.

No acidente deste sábado, morreu o marido de Cris, Arthur Itaqui, cujo corpo foi sepultado hoje em Santa Maria.

Conforme Renato Costa, um novo boletim deve ser apresentado pelos médicos do HPS apenas às 4 da tarde de amanhã, segunda-feira.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

17 Comentários

  1. Não a conheço mas tens todos meus desejos de recuperação. Belas mostras de carinho de quem te conhece mostra a pessoa querida que és.

  2. Tenho certeza que tu vai superar este momento Cris. Quando tu sairdo hospital vou te levar a minha filha Victória para te dar um abraço, pois o nome dela é significativo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo