FLASH. 200 mil pessoas passaram pelos eventos da economia solidária. 27 países e 530 cidades presentes

Os objetivos dos organizadores foram plenamente alcançados. Conforme dados da Brigada Militar, divulgados agora à tarde, 200 mil pessoas passaram, não obstante a chuva, pelos pavilhões do Terminal Dom Ivo Lorschester, desde quinta-feira – quando começaram os eventos da economia solidária.

O organização também fechou outros números: 27 países diferentes estiveram representados, oriundos de 530 comunas diferentes. Foram mais de mil expositores, com nada menos que 10 mil itens diferentes.

Em instantes começa a solenidade de encerramento. E, mais tarde, traremos aqui outros detalhes. Pode aguardar.



1 comentário

  1. Estela

    Fui ontem passear pela feira e achei os caminhos muito desorganizados. Não há um trajeto, há bretes para passar de um pavilhão a outro, um horror. O que acontece é que deixamos de passar por vários lugares, pois não entendemos o lugar. Fora o perigo de pânico e correria. E a estrutura em si: um evento desta magnitude em importância e público merece um local bem mais apropriado. Vejo que fazem o que podem, mas o poder público local (se já estivesse iniciado o governo) poderia apoiar cedendo os pavilhões do CDM. Parabenizo a organização e participantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *