EconomiaTrabalho

SERVIÇO PÚBLICO. 6,3 mil vagas criadas e já com concurso aberto. E o Rio Grande contribui com 1,4 mil

Prefeitura de Cuiabá, cuja secretaria de Saúde terá quase 2,3 mil novos servidores (foto Divulgação)
Prefeitura de Cuiabá, cuja secretaria de Saúde terá quase 2,3 mil novos servidores (foto Divulgação)

Só a Prefeitura de Cuiabá e o governo gaúcho, sozinhos, repondem por perto de 4 mil das novas vagas criadas no serviço público em todo o País, nos últimos dias. No total, com editais já lançados e provas com datas definidas, passa de 26 mil o número de postos a ser ocupados no serviço público, via concurso.

O portal Congresso em Foco traz mais informações e, sobretudo, publica os editais de todos esses certames abertos no país inteiro. Vale a pena conferir, a seguir:

Novos editais lançam concursos com 6.556 vagas

Os concursos com editais lançados nas últimas semanas já somam 26.164 vagas, além de cadastros de reserva, em todas as regiões do Brasil. Na mais recente atualização feita pelo Congresso em Foco, em levantamento junto às principais bancas do país, 6.556 vagas foram lançadas até a última sexta-feira (7).

Entre os destaques das seleções está o certame para a Prefeitura de Cuiabá, sob responsabilidade da FGV Projetos. São 2.280 mil vagas para os níveis de médio e superior, com salário máximo inicial de R$ 6.380,66, com lotação na Secretaria Municipal de Saúde. As inscrições começaram em 3 de novembro e vão até 2 de dezembro.

Outro concurso com edital lançado em destaque é o da Secretaria de Educação do Rio Grande do Sul, com 1.393 novos postos de níveis médio e técnico, com salário máximo inicial de…

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.

PARA ACESSAR A ÍNTEGRA DE TODOS OS EDITAIS, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo