EconomiaNegócios

DIREITO AUTORAL. Luciana Manica, o Ecad e a sua estranha atuação. Ah, e outros babados, até olímpicos

“…Mas afinal, qual é o barraco atual do Ecad? O Ecad é administrado por suas associadas, e parece que a Sadembra (uma dessas aí) foi convidada a se retirar, por supostamente não repassar os valores arrecadados a seus associados. As associadas ASSIM e a ABRAC foram readmitidas, mas não podem votar.

Bacana o Ecad se preocupar com isso, mas pena que ele mesmo não é fiscalizado por ninguém! Aí a coisa complica … mas isso já não é mais novidade em se tratando de direitos autorais…”

CLIQUE AQUI para ler a íntegra do artigo “Rapidinhas, babados e achados”, de Luciana Manica Gössling. Ela é advogada, Mestre em Direito e especialista em Propriedade Intelectual. O texto foi postado há instantes, na seção “Artigos”!

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Um Comentário

  1. Sim e não. O Whatsapp permite o backup, pergunta a freqüência do procedimento para o usuário: mensalmente, semanalmete, diariamente ou nunca. Tem mais, o custo de armazenar toda esta informação seria astronômico, por este motivo as mensagens não são armazenadas nos servidores da empresa. Para acontecer a cópia de segurança é necessário que o celular esteja sincronizado com algum outro prestador de serviço. Para telefones Apple o default é o iCloud, para windows geralmente é Google Drive se não me engano (alguém já deve ter recebido a mensagem “sincronizar tudo numa única conta”). Mais, o backup também é criptografado porque colocar tudo na mão de terceiros de outro modo seria jogar a segurança fora. As chaves são exclusivas e diferentes para cada mensagem. O procedimento come espaço na nuvem do serviço utilizado em demasia, existem muitas reclamações.
    Só falta agora algum togado bloquer o whatsapp, o Google Drive e o iCloud, mesmo que no caso concreto o serviço utilizado seja qualquer um outro dos muitos disponíveis.
    De qualque maneira não dá para saber quem está com o aparelho na mão. Olho no olho ainda é mais seguro. No meio de um açude, no meio do campo. Só na piscina não resolve. Como dizem por aí, se tiver muita necessidade de contar um segredo para alguém, escreva no papel, depois coloque na boca, mastigue bem e engula.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo