CIDADE. Prefeitura e Iplan vão mapear condições da pavimentação asfáltica de onze vias de Santa Maria

CIDADE. Prefeitura e Iplan vão mapear condições da pavimentação asfáltica de onze vias de Santa Maria - Malha-Asfaltica-de-Santa-Maria

Coleta de informações deve ocorrer em 11 vias da área urbana e exigirá atenção dos motoristas. Foto João Vilnei / Prefeitura

Por Ana Bittencourt / Prefeitura de Santa Maria

A partir de segunda-feira (14), a Prefeitura de Santa Maria dá os primeiros passos na elaboração do inventário da malha viária do Município. O projeto piloto vai ser realizado, inicialmente, em 11 vias da área urbana (sendo duas ruas e nove avenidas) para a coleta de informações sobre a situação atual dos pavimentos. A iniciativa pretende avaliar a capacidade estrutural das vias, a partir de provas de cargas e medição das deformações e degradações causadas na pavimentação devido ao tráfego de veículos, às intempéries e às intervenções em redes de serviços.

A partir deste roteiro inicial para coleta de informações, a Prefeitura pretende desenvolver um Sistema de Gerência de Pavimentos para o Município. Em longo prazo, o Poder Executivo poderá buscar empresas especializadas para realizar o levantamento completo e indicar soluções efetivas para a recuperação e ampliação dos pavimentos existentes.

A recuperação da malha viária de Santa Maria começou ser tratada no mês de junho, quando o prefeito Jorge Pozzobom e o coordenador executivo do Gabinete de Governança, Carlos Pippi Brisola, se reuniram com o presidente do Instituto de Planejamento (Iplan), Vilson Serro, com os professores do curso de Engenharia Civil da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Deividi Pereira e Luciano Specht e com o engenheiro do instituto, Paulo Rosa. O Sistema de Gerência de Pavimentos vai dar mais subsídios para o Plano Municipal de Recuperação Asfáltica que está sendo elaborado pela Prefeitura.

A ação, executada pelo Iplan em parceria com a UFSM, vai utilizar um caminhão e uma Viga Benkelman (equipamento que fornece elementos fundamentais para o projeto de restauração de pavimentos). Assim, será possível medir os deslocamentos verticais sofridos pelos pavimentos que estão sujeitos aos carregamentos rodoviários diários e constantes.

Secretaria de Mobilidade Urbana acompanha a ação
A Coordenadoria de Trânsito e Mobilidade Urbana (CTMU) vai acompanhar o roteiro de execução do projeto. As 11 vias totalizam 29 km no perímetro urbano e foram escolhidas segundo critérios como intensidade do tráfego, itinerários do transporte coletivo e estado de conservação do pavimento.
A ação começa a ser executada na Avenida Borges de Medeiros, na esquina com a Avenida Presidente Vargas, a partir das 13h30min. Os motoristas devem estar atentos à sinalização dos agentes da Secretaria de Mobilidade Urbana, pois, em alguns locais, o trânsito poderá ficar restrito à meia pista. A previsão para conclusão dos trabalhos é de duas a três semanas. O cronograma de execução vai depender de alguns fatores, principalmente climáticos, e deve ser divulgado nos próximos dias.

Vias onde será executado o mapeamento
Avenida Borges de Medeiros
Avenida Liberdade
Avenida Ângelo Bolson
Avenida Hélvio Basso
Rua Euclides da Cunha
Avenida Walter Jobim
Avenida Presidente Vargas
Avenida Medianeira
Avenida das Dores
Avenida João Luiz Pozzobon
Rua Duque de Caxias



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *