Destaque

ELEIÇÕES 2018. Luiz Carlos Heinze confirmado como pré-candidato do pepismo ao Piratini em 7 de outubro

Luiz Carlos Heinze, na foto com as lideranças da agremiação, é escolhido pré-candidato do Partido Progressista ao governo gaúcho

No site do CORREIO DO POVO, com informações da Rádio Guaíba e foto de Divulgação

O deputado federal Luis Carlos Heinze foi escolhido pré-candidato do Partido Progressista (antigo PP) ao governo do Estado do Rio Grande do Sul. A pré-convenção da sigla ocorreu na tarde deste sábado no Teatro Dante Barone, na Assembleia Legislativa, em Porto Alegre.

Heinze recebeu 1.123 dos 1.391 votos da pré-convenção, o equivalente a 80%. Antonio Weck, seu oponente na eleição interna, obteve 263 votos. Também houve 5 votos nulos. A convenção oficial para a confirmação do nome acontecerá entre 20 de julho e 5 de agosto.

Em nota, o partido salientou que a pré-convenção representa “um grande ato democrático para fortalecer a corrida ao Piratini, além da reeleição de Ana Amélia e o aumento das bancadas na Câmara Federal e Assembleia Legislativa”.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Um Comentário

  1. Ana Amélia é espertinha. Mesmo com grande chance de ganhar a eleição para governador por falta de opção no eleitorado, frente a gestão pasmaceira do gringo e a pouca força dos demais concorrentes – fracos ou desgastados com as notícias criminais de seus partidários- ela não quis concorrer dessa vez para a vaga da gestão da bucha de canhão.

    Sim, sentar na cadeira de governador desse Estado mais que falido com um monte de lamparinas na Assembleia puxando-nos para o século XIX, é bucha mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo