CampanhaEleições 2018PartidosPolítica

ELEIÇÕES. Ana Amélia já não afirma que se recusa a concorrer a vice e pode compor na chapa de Alckmin

Ana Amélia diz que não há ainda definição sobre ser vice. Ela, que teve crise de hipertensão anteontem, vai conversar com seu médico

Do portal do jornal CORREIO DO POVO, com informações d’O Estado de São Paulo e foto de PEDRO FRANÇA, da Agência Senado

A senadora Ana Amélia (PP-RS) disse na manhã desta quinta-feira que ainda está avaliando a possibilidade de ser vice na chapa de Geraldo Alckmin (PSDB). Houve sondagens para que a senadora ocupasse o cargo. Ao jornal O Estado de São Paulo, ela disse que uma crise de hipertensão nesta semana a fez refletir sobre a questão e que ainda precisa conversar com seu médico para avaliar a possibilidade.

Ana Amélia participa da convenção nacional do PP, na Câmara dos Deputados em Brasília. A senadora passou mal durante visitas a municípios no Rio Grande do Sul. Por coincidência, diz ela, estava justamente em um hospital quando sua pressão subiu e ela acabou passando uma noite internada. “Foi uma agenda muito intensa com 45 municípios em 10 dias”, disse. “Um cargo desse vice, você tem de avaliar se tem condições, competência e se está habilitada para isso”, afirmou.

A parlamentar lembrou que nas ultimas décadas ao menos três vice-presidente assumiram o cargo no Brasil. “Vice não é mais uma figura decorativa no Brasil”, disse. Ana Amélia afirmou que ia conversar com seu o médico ainda nesta quinta-feira.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo