CÂMARA. Veja como foram as novas oitivas do Caso Luci: duas ausências, um edil figurante e tudo gravado

CÂMARA. Veja como foram as novas oitivas do Caso Luci: duas ausências, um edil figurante e tudo gravado

CÂMARA. Veja como foram as novas oitivas do Caso Luci: duas ausências, um edil figurante e tudo gravado - maiquel-oitivas-luci

Depoimentos na subcomissão que investiga a vereadora Luci Duartes foram refeitas nessa segunda. Novidade: desta vez tudo gravado

Por MAIQUEL ROSAURO (texto e foto), da Equipe do Site

A semana começou com desculpas no Plenário da Câmara de Vereadores de Santa Maria. Logo que iniciaram às oitivas da Subcomissão de Ética que investiga a vereadora Luci Duartes – Tia da Moto (PDT), os parlamentares pediram escusas por fazer os depoentes retornarem ao Legislativo para prestar, novamente, o mesmo depoimento. O novo chamamento foi necessário porque os interrogatórios anteriores não haviam sido gravados.

Dos dez convidados, apenas a secretária de Gestão, Verônica de David Antônio, e a procuradora do Município, Rossana Schuch Boeira, não compareceram. Ambas, aliás, também não prestaram depoimento em outubro, quando os outros depoentes foram ouvidos.

As oitivas dessa segunda não trouxeram novidades, uma vez que todos os interrogados já haviam prestado depoimento. Na verdade, se reforçou a justificativa de que Luci faz compensação de horários quando sua agenda na Secretaria de Educação coincide com sua atuação parlamentar. O que mais chamou atenção foi a forma como os vereadores que formam a subcomissão se comportaram durante os questionamentos.

Logo no início, João Kaus (MDB) disse que não faria nenhuma pergunta, pois ele já havia sanado duas dúvidas e não era favorável a novas oitivas. Desta forma, durante todos os depoimentos realizados pela manhã, o emedebista limitou-se a utilizar seu smartphone e tomar chimarrão. À tarde, ele manteve postura semelhante e fez apenas uma pergunta ao denunciante, Alain Maciel.

O relator Manoel Badke – Maneco (DEM) foi protocolar e limitou-se às perguntas feitas em outubro. No início da oitiva de Maciel, o democrata chegou a discutir com o revisor, Valdir Oliveira (PT), sobre a condução dos questionamentos. Maneco queria que as perguntas fossem limitadas àquelas já realizadas, mas o petista insistiu em fazer novas perguntas para tirar suas dúvidas.

Todas as oitivas dessa terça foram gravadas pela TV Câmara. Nos próximos dias, será feita a transcrição dos depoimentos. Ainda este mês, Maneco irá apresentar seu relatório.

Entenda o caso

A subcomissão apura uma denúncia feita por Maciel, o qual sustenta que Luci bateu ponto na Prefeitura e, ao mesmo tempo, atuou no Parlamento em diversos momentos do ano passado, o que caracterizaria um ato de improbidade administrativa. O Ministério Público também apura o caso.

Quem prestou novo depoimento nessa segunda

Clairton Rodrigues de Motta – Superintendente de Recursos Humanos – Secretaria Gestão da Prefeitura

Liliana Gabriel Senger – Coordenadora de Recursos Humanos – Secretaria de Gestão

Lucia Madruga – Secretária de Educação

Tânia Torres – Secretária da Comissão de Educação da Câmara de Vereadores

Alain Machado Maciel

Luci Duartes

Solaine Massierer – Superintendente de Gestão de Pessoal

Gisele Bauer – Superintendente Pedagógica



1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *