TRABALHO. Ato público na Praça Saldanha Marinho marca Dia de Lutas em Santa Maria nesta sexta-feira

TRABALHO. Ato público na Praça Saldanha Marinho marca Dia de Lutas em Santa Maria nesta sexta-feira

TRABALHO. Ato público na Praça Saldanha Marinho marca Dia de Lutas em Santa Maria nesta sexta-feira - sedufsm-sextaPor FRITZ R. NUNES (com imagem de Reprodução), da Assessoria de Imprensa da Sedufsm

Sexta-feira, 22 de março, foi a data que as principais centrais sindicais do país consensualizaram como o Dia de Lutas, Protestos e Paralisações contra o projeto de reforma da previdência do governo de Jair Bolsonaro. Em Santa Maria, após reuniões envolvendo a Frente Única de Trabalhadoras e Trabalhadores (FUTT) e algumas centrais sindicais como a CSP-Conlutas, CUT e CTB, ficou definido que haverá na sexta um ato público na praça Saldanha Marinho. A concentração no local da atividade acontece a partir das 16h30 e, na sequência, ocorrerão manifestações das representações sindicais e, possivelmente, uma caminhada pelas ruas centrais.

Na UFSM, tanto os docentes realizam paralisação de 24h, quanto os servidores técnico-administrativos em educação. Em todo o país, diversas categorias de trabalhadores também promovem de um dia na sexta-feira. Acompanhe aqui o quadro das manifestações pelo país divulgado pela CSP-Conlutas.

O dia de paralisação na UFSM começa com uma programação pela manhã, quando se debaterá o desmonte da previdência pública a partir do projeto do governo federal. A atividade para discutir o assunto ocorrerá às 10h, no prédio do Centro de Educação Física (CEFD), mais especificamente no Centro Didático e Artístico (CAD). O evento é organizado pelas entidades representativas dos três segmentos (Sedufsm, Assufsm, Atens e DCE).

Ainda no que se refere à UFSM, na noite de sexta (22), haverá uma nova discussão centrada na questão previdenciária. O título do debate é “Proposta do governo da Reforma da Previdência”, que terá a abordagem do professor Gihad Mohamad (diretor da Sedufsm) e da advogada Gabriela do Canto Perez (Jobim Advogados Associados). O evento inicia às 19h30, no Salão do Júri (prédio da Antiga Reitoria da UFSM), e se destina aos três segmentos da instituição.

PARA LER NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *