CORONAVÍRUS. Saúde mental não pode ser posta de lado. Prefeitura possibilita acolhimento e orientação

CORONAVÍRUS. Saúde mental não pode ser posta de lado. Prefeitura possibilita acolhimento e orientação

CORONAVÍRUS. Saúde mental não pode ser posta de lado. Prefeitura possibilita acolhimento e orientação - prefeitura-atenção-mentalPor MANUELA VASCONCELLOS (com foto de Arquivo), da Assessoria de Imprensa da Prefeitura

A Prefeitura, por meio da Coordenação de Atenção Psicossocial da Secretaria de Saúde, disponibiliza acolhimento e orientação aos santa-marienses, via telefone, em saúde mental. O objetivo é acolher, prevendo ansiedade e agitação entre a população diante do isolamento social devido à COVID- 19. Os atendimentos são gratuitos. Confira onde procurar ajuda:

Santa Maria Acolhe
– (55) 3219-2333
– De segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h

Policlínica Nossa Senhora do Rosário
– (55) 3921-7028
– De segunda a sexta-feira, das 8h às 16h

CAPS II Prado Veppo (foto acima)
– (55) 3921-7959
– De segunda a sexta-feira, das 8h às 18h

CAPS Ad II Caminhos do Sol
– (55) 3921-7144 e 3921-7281
– De segunda a sexta-feira, das 8h às 18h

CAPS Ad II Cia do Recomeço
– (55) 3921-1099
– De segunda a sexta-feira, das 8h às 18h

CAPS i II – O Equilibrista
– (55) 3921-7218
– De segunda a sexta-feira, das 8h às 18h

Apoio do Centro de Valorização da Vida (CVV)
– 188 (atendimento 24h por dia de forma gratuita)

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *