EstradasPolíticaRegião

RSC 287. Secretário tira dúvidas de autoridades e líderes e garante 3ªs pistas em pontos mais críticos

Em encontro articulado por Pozzobom, secretário Vanuzzi papeia com prefeitos e dirigentes de entidades sobre a duplicação da RSC 287

Por MAURÍCIO ARAUJO (texto) e ARIÉLI ZIEGLER (foto), da Assessoria de Imprensa da Prefeitura

Por mais de duas horas e meia desta segunda-feira (9), o secretário extraordinário de Parcerias do Rio Grande do Sul, Bruno Vanuzzi, participou, no Hotel Itaimbé, de um encontro com autoridades políticas e representantes de entidades de classe e de instituições de Santa Maria e da Região Central do Estado. A pauta foi a duplicação da RSC-287, entre Santa Maria e Tabaí.

A reunião, organizada e mediada pelo prefeito Jorge Pozzobom, foi proporcionada para que o Governo do Estado pudesse explicar aos presentes a real situação sobre as alterações no projeto de concessão da rodovia. Nos últimos dias, a Administração Estadual confirmou mudanças na proposta, modificando as previsões para duplicar toda a rodovia, o que pode atrasar a duplicação do trecho entre Santa Maria a Novo Cabrais, que tinha previsão inicial para começar por volta de 2031.

De acordo com o secretário estadual, com as mudanças, já nos primeiros quatro anos, a concessionária terá que fazer investimentos e melhorias nos trechos mais críticos, como terceiras faixas e sinalizações (entre Novo Cabrais e Santa Maria), até que os cerca de 70 quilômetros sejam, enfim, duplicados.

“Obviamente, todos ficamos bastante angustiados com as últimas notícias, mas são importantes os esclarecimentos do secretário, pois a duplicação total da rodovia é essencial para o desenvolvimento de toda a nossa região”, destacou o chefe do Executivo, que estava acompanhado do vice-prefeito Sergio Cechin.

De acordo com o Governo do Estado, a previsão é que o edital para a concessão da rodovia seja lançado em maio, com o leilão em agosto, e, possivelmente, o começo da concessão em novembro deste ano.

“Já nestes primeiros anos, o objetivo é que sejam feitas as terceiras faixas e os trabalhos iniciais, garantindo a segurança viária em pontos mais críticos e com mais acidentes”, explicou o secretário Bruno Vanuzzi.

Na oportunidade, prefeitos de cidades da região e representantes de entidades de Santa Maria tiraram dúvidas, falaram sobre as preocupações e, também, demonstraram ao secretário, nas palavras deles, a “frustração” com os últimos acontecimentos. Porém, todos agradeceram ao secretário do Estado pelas explicações e pelos esclarecimentos acerca desse importante projeto.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo