DestaqueEstado

ASSEMBLEIA. Em reunião com governador Eduardo Leite, bancada do PT trata de aquisição de vacinas

Para Valdeci, Estado tem que ser protagonista na defesa da saúde

“Não dá para ficarmos à mercê da irresponsabilidade e do negacionismo do governo federal atual”, disse Valdeci Oliveira. Imagem Reprodução Bancada do PTSul na ALRS

Por Eliane Silveira e Tiago Machado

Encaminhar a habilitação do Estado do Rio Grande do Sul para entrar na fila para compra direta de vacinas, independente do laboratório que tiver produzido. Esse foi o principal compromisso assumido pelo governador Eduardo Leite em reunião com a bancada do PT na tarde desta segunda-feira (18), dia em que começa a imunização contra o coronavírus no RS. Para o deputado estadual Valdeci Oliveira, o estado tem que ter uma postura de protagonismo na defesa da saúde.

“Não dá para ficarmos à mercê da irresponsabilidade e do negacionismo do governo federal atual. Para garantirmos vacina para todos os gaúchos e todas as gaúchas teremos de agir e agir rápido. A vacina vai nos tirar, ao mesmo tempo, da crise sanitária e da crise econômica”, afirmou.

Além dessa possibilidade de compra direta, o governador informou sobre os esforços do Executivo para antecipar a vacinação dos professores que, pelo plano nacional, estão em último lugar dentro do público prioritário. Sobre as prioridades, a bancada petista defendeu ao governo que, além dos educadores, também analise a possibilidade de incluir profissionais da assistência social e da imprensa nesse grupo.

“São profissões que estão nas ruas, na linha de frente prestando serviços essenciais à toda população”, lembrou o líder da bancada do PT na Assembleia, Luiz Fernando Mainardi destacando que, se não fosse o consórcio dos veículos de imprensa e a cobertura diária dos veículos de comunicação, o quadro da pandemia poderia ser muito pior no país.

A bancada do PT já protocolou na Assembleia Legislativa o pedido de formação de uma Comissão Externa do Parlamento para acompanhar o processo de vacinação.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo