Santa Maria

CIDADE. Obra de drenagem pluvial em trecho do bairro Medianeira terá duração de dois meses

Serão instaladas 18 galerias ao longo do arroio que passa por baixo da via

Ordem de serviço foi assinada nesta terça-feira (12), e investimento será de mais de R$ 220 mil. Foto João Vilnei / Prefeitura

Por Manuela Vasconcellos / Prefeitura de Santa Maria

Uma reivindicação de moradores da Rua Vereador Bolsson, no bairro Medianeira, que vai garantir a segurança das pessoas que trafegam pela via, já começou a ser atendida pela Prefeitura de Santa Maria. Na tarde desta terça-feira (12), residentes do trecho entre as ruas Imbé e João Batista da Cruz Jobim participaram da assinatura da ordem de serviço para começo da recuperação da drenagem pluvial e do pavimento da via. O ato simbólico também contou com o prefeito Jorge Pozzobom e representantes da Della Pasqua Engenharia e Construções Ltda., empresa vencedora da licitação.

“Esta obra está se tornando realidade porque soubemos ouvir os moradores, que são os principais atingidos. Juntos, eles nos mostraram o problema, e buscamos soluções para resolver. Tudo com planejamento porque se trata de uma obra bem complexa”, explicou o prefeito Jorge Pozzobom, acompanhado do John Lennon, que mora na Rua Vereador Bolsson e trabalha na Della Pasqua.

No trecho, serão instaladas 18 galerias ao longo do arroio que passa por baixo da via, sendo nove de cada lado. Por isso, o trecho entre as ruas as ruas Imbé e João Batista da Cruz Jobim ficará bloqueado para o trânsito de veículos, conforme o secretário de Mobilidade Urbana, Orion Ponsi, presente no ato. As galerias são necessárias para que a água da chuva consiga escoar, sem que invada as residências. A principal consequência disso é o desassoreamento das encostas, que contam com residências, sendo que uma delas está interditada pela Defesa Civil.

A obra tem investimento de mais de R$ 220 mil, com recursos do Fundo Pró-Saneamento. A empresa já deu início aos trabalhos fazendo uma limpeza no arroio, quando toneladas de lixo foram retiradas, outro resultado da cheia em função da chuva. Após a instalação das galerias pluviais, serão reconstruídos os meios-fios e o pavimento por onde transitam pedestres e veículos, nos dois sentidos da via. A obra tem duração de dois meses.

ATENÇÃO


1) Tua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo