DestaqueSaúde

COVID-19. Hospital Casa de Sáude de Santa Maria suspende cirurgias, seguindo a orientação do Estado

Emergências e outros casos envolvendo crianças não seguem a orientação geral

Por Superintendência de Comunicação da Prefeitura e Tempórea Comunicação

Uma reunião extraordinária da comissão de crise do Hospital Casa de Saúde foi realizada na tarde desta segunda-feira (22) com o objetivo de avaliar e reorganizar o agendamento das cirurgias. Foram suspensas as cirurgias de urologia (60 em média por mês), otorrinolaringologia (30 mensais) e vascular (30 mensais). A medida atende a orientação da Secretaria Estadual da Saúde que pediu a suspensão de cirurgias eletivas não emergenciais até 31 de março em função do aumento significativo de internações pelo coronavírus em todo o território gaúcho.

Alguns procedimentos, após análise e justificativa, deverão ser mantidos na Casa de Saúde, como colicistectomia e herniorrafia. Também seguirão sendo consideradas inadiáveis cirurgias emergenciais envolvendo fraturas, ginecologia, biópsia de pele e cirurgias infantis agendadas de postectomia e de herniorrafia.


Estiveram presentes na reunião, de forma presencial, a diretora do Hospital Casa de Saúde, irmã Liliane Pereira, a administradora do HCS Darciele Nunes, a administradora da UPA, Manuela Trevisan, a responsável técnica de enfermagem do HCS, Cristina Freitas, da UPA, Jonatas Wrague, o farmacêutico, Flabio Pons, a enfermeira hospitalista Carla Drewin e a enfermeira do bloco cirúrgico do HCS, Simone Almada. De forma remota, também participaram o diretor técnico do HCS, Vivakanan Satran, o infectologista Guilherme Weber, a consultora em Medicina Hospitalar Gisele Baldez e a enfermeira UPA Simone Müller.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo