DestaqueRegião

FAXINAL DO SOTURNO. Material para inseminação é fornecido para criadores de gado de leite e corte

Sêmen é distribuído gratuitamente aos produtores rurais pela prefeitura

Cerca de 200 produtores rurais faxinalenses receberão, ao longo do ano, sêmen para gado de leite e de corte (Foto Divulgação)

Por Prefeitura de Faxinal do Soturno

A qualidade do sêmen é fundamental para a melhoria dos rebanhos nas propriedades rurais, seja gado de leite ou de corte. Há alguns anos, a Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, fornece o material para a inseminação gratuitamente aos criadores de Faxinal do Soturno. Nos próximos dias, será realizada uma compra de 800 doses de sêmen – 500 para gado de leite e 300 para gado de corte – que serão distribuídas ao longo do ano para cerca de 200 agricultores faxinalenses.

Conforme o titular da pasta, Gilceu Casarin, cada comunidade possui uma pessoa que é encarregada de fazer as inseminações e armazenar os materiais necessários para o procedimento. Além disso, a Secretaria conta com um médico veterinário para dar suporte aos criadores, na aplicação de vacinas, castrações e atendimento de doenças, urgências e emergências.

A família do agricultor Bruno Somavilla trabalha com gado leiteiro há duas gerações e atualmente possui cerca de 80 vacas na propriedade, localizada na Linha São Luiz. Para ele, a ajuda da Prefeitura é importante para o aumento da produtividade e da qualidade do rebanho.

“É uma via de mão dupla, porque se nós conseguimos produzir mais, também aumenta o retorno para o Município”, afirma.

A produção mensal na propriedade é de aproximadamente 30 mil litros de leite, que são recolhidos pela Camnpal e entregues à Dália Alimentos, em Encantado.

O casal Nilda e Alcemar Stefanello, mesmo aposentados, segue com a criação de gado leiteiro na propriedade, situada também na Linha São Luiz. Há cerca de 10 anos, eles profissionalizaram a atividade e hoje contam com um rebanho de aproximadamente 50 vacas, a maioria da raça holandesa. Segundo Nilda, o apoio da Prefeitura tem sido de grande ajuda desde que começaram a investir na produção de leite.

“Nunca faltou sêmen e sempre tivemos sucesso nas inseminações. O resultado é um gado de qualidade e com alta produtividade”, declara.

A propriedade rende cerca de 450 litros de leite por dia, que também são vendidos à Dália.

Mais informações sobre o programa podem ser obtidas na Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente (Rua Sete de Setembro, 790 – Antigo Seminário) ou pelo telefone (55) 3263-3700.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo