CulturaDestaque

CULTURA. Cida Cultural realiza Laboratório de Planejamento e Gestão de Projetos. Saiba mais!

Ação tem como alvo principal produtores, gestores municipais e assessorias

Luiz Carlos Borges no Canção aos Pares – um dos projetos a ser apresentado como exemplo, no Laboratório (foto Tati Faleiro)

Por Homero Pivotto Jr / Da Assessoria de Imprensa

Elaborar um projeto cultural é tarefa complexa, que envolve profissionais de diversos setores e uma rede de fazeres multidisciplinar. Com o objetivo de incentivar pessoas que buscam empreender em segmentos ligados à arte, a Cida Cultural desenvolveu o Laboratório de Planejamento e Gestão de Projetos.

A empreitada consiste em duas turmas de troca de conhecimento on-line com a fundadora da empresa, Maria Aparecida Herok – a Cida -, que tem 35 anos de experiência no setor, com atuações nas mais variadas áreas do entretenimento e da cultura regional e nacional. Com ela, estarão colaboradores envolvidos em cases bem-sucedidos da produtora. São duas turmas, com disponibilidade de 10 vagas e previsão de oito horas (divididas em quatro aulas) cada, uma com início em 16 de agosto e outra em 31 do mesmo mês. O público-alvo são secretarias de cultura, estudantes e professores da área cultural, produtores, gestores culturais e analistas de comunicação e marketing.

Para se inscrever é preciso preencher o formulário disponível neste link (https://bit.ly/inscriçãoLabProjetoCida) incluindo uma biografia resumida do proponente, que passará por avaliação (o envio não garante a vaga). O período para que pretendentes enviem material é até 8 de agosto. Os selecionados serão assessorados na elaboração de seus próprios projetos e receberão certificados de participação. 

A forma de trabalho foi desenvolvida por meio de metodologias colaborativas que pautam as ações da Cida Cultura, apostando na formação de uma rede de trocas de ideias entre profissionais das mais diversas áreas ligadas à cultura. Quatro são os elementos, dentro dessa lógica, para que uma proposta seja colocada em prática: propósito, sentido, método e aprendizado. 

– O nosso diálogo, agora, será no formato de laboratório. Vamos apresentar o nosso modelo de operação a partir da abordagem colaborativa. Em nosso Laboratório de Planejamento e Gestão, vou mostrar alguns conceitos que norteiam os nossos projetos, como pensá-lo, a ideação, a montagem da equipe principal e as práticas colaborativas que nos auxiliam no planejamento, na gestão e na produção. Não trabalho sozinha, sempre valorizei as equipes complementares na realização dos projetos. E é isso que eu quero passar – afirma Cida. 

Entre os convidados estão jornalistas, publicitários, escritores e agentes culturais. Já os projetos que serão dados como exemplos incluem o “Lâmpada Mágica” (uma dos maiores ações para circulação teatral no estado, contabilizando 63 espetáculos e 734 apresentações entre os anos de 2000 a 2010), “O Canções aos Pares” (que reuniu no mesmo palco artistas consagrados do Brasil e de outros países da América Latina, feito para a Eny Calçados), o “Museu Desmiolado” (com curadoria de Ceres Storchi e Claudia Antunes, foi uma exposição baseada em livro de mesmo nome do poeta Alexandre Brito para gerar reflexão sobre o papel e a importância dos museus) e a exposição “A Arte da Moda – Histórias Criativas” (mostra com a curadoria de Giselle Padoin ocorrida em São Paulo deste ano abordando tendências no modo de se vestir e sua relação com as artes). 

A fim de estimular que novos empreendedores promovam atividades culturais, o curso tratará sobre questões referentes à elaboração de projetos, sua importância local, impacto financeiro, público alvo, possíveis parceiros, prazos, busca de patrocínio entre outras questões.

– São várias as complexidades de um projeto. É preciso enxergar o que se quer com ele dentro de um contexto de espaço e tempo. Temos de pensar na viabilidade da proposta, tanto de público quanto de patrocinador. Para isso, é interessante ter uma equipe parceira desde o início, participando da ideação, levantando pontos positivos e até negativos para se entender ao máximo as possibilidades até chegar à versão final. A proposta deve ser bem pensada do ponto de vista criativo, ser sustentável e ter responsabilidade social. Isso vai criar um ambiente favorável para se conseguir apoio e pessoas interessadas em consumir – avalia Cida

O Laboratório de Planejamento e Gestão de Projetos integra o projeto 1° Diálogos Cida Cultural — edição Museus e é uma atividade promovida pela Cida Cultural a executada por meio do Edital Criação e Formação: Diversidade das Culturas (Fundação Marcopolo), realizado com recursos da Lei Aldir Blanc nº 14.017/20.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo