CulturaDestaque

CULTURA. Conheça os filmes selecionados para a Mostra Local e Regional da 14ª edição do “SMVC”

São 16 títulos de ficção e documentário que concorrem ao troféu Vento Norte

Por Tatiana Py Dutra / Da Padrinho Agência de Conteúdo

Em live realizada na noite desta quinta-feira (15), os organizadores do Santa Maria Vídeo e Cinema (SMVC) divulgaram os filmes selecionados para a Mostra Sinprosm de Curtas-Metragens de Santa Maria e Região. O anúncio foi feito no Instagram do Diário de Santa Maria, um dos co-promotores do evento que será realizado on-line de 14 a 18 de setembro.

Os 16 títulos de ficção e documentário vão concorrer ao Troféu Vento Norte de Melhor Curta, Melhor Direção, Melhor Atriz, Melhor Ator, Melhor Roteiro, Melhor Direção de Fotografia, Melhor Montagem, Melhor Trilha Sonora Original, Melhor Direção de Arte, Melhor Desenho de Som além de Menções Honrosas. A comunidade também poderá eleger seu favorito por voto popular.

Os filmes ainda podem receber o Prêmio Clayton Coelho de Direitos Humanos, além de distinções concedidas por parceiros do festival. É o caso do Troféu Cineclube Lanterninha Aurélio, outorgado pela Cooperativa dos Estudantes de Santa Maria (Cesma); o Troféu Rede Sina, entregue ao melhor curta com temática social pelo site Rede Sina; o Prêmio Diário de Santa Maria, concedido por júri popular em votação no site do jornal; e o Prêmio Jornalista Luiz Roese, sobre justiça, juventude e prevenção, concedido pela Associação dos Familiares de Vítimas e Sobreviventes da Tragédia de Santa Maria (AVTSM).

A data de divulgação dos selecionados para a Mostra Fundação Eny de Curtas-Metragens Brasileiros será anunciada em breve.

O 14° SMVC é um projeto selecionado no edital 004/2020 – Produção Artística e Cultural de Santa Maria, realizado com recursos da Lei nº 14.017/2020 – Lei Aldir Blanc.

CURTAS SELECIONADOS PARA A MOSTRA SINPROSM DE CURTAS-METRAGENS DE SANTA MARIA E REGIÃO

¼ de Memória
Direção: Natália Venturini (Ficção, 2019, 12min)
Sinopse: Uma carcereira trava um jogo de estratégia com sua prisioneira. Memórias, traumas e tabus se entrecruzam entre as grades da cela e o tabuleiro de xadrez, enquanto uma busca encontrar a outra para libertar-se.

A Descoberta do Gigante
Direção: André Borba, Rafael Happke e Thomaz Townsend (Documentário, 2021, 10min 33seg)
Sinopse: O documentário traz relatos do professor Eduardo Marin, um dos responsáveis por coletar os fósseis da preguiça-gigante (Megatherium americanum) no município de Caçapava do Sul, em campanhas entre as décadas de 1960 e 1990. Marin foi professor de geografia de gerações de caçapavanos e concedeu entrevista em março de 2020, antes das medidas de distanciamento social. Falecido em fevereiro de 2021, tem seu pioneirismo reconhecido nesse registro, uma coprodução do Geoparque Caçapava Aspirante UNESCO, da Pró-Reitoria de Extensão da UFSM e da TV Campus.

A Visita 
Direção: Pietro de Athayde Gonçalves (Ficção, 2019, 08min 44seg)
Sinopse: Uma costureira é visitada por uma velha conhecida e a nora desta, que está para se casar. A dupla contrata a tecelã para confeccionar o vestido do casamento. Por suas diferenças de idade e crença, as mulheres entram em um debate ideológico que permanece em constante empate dada a falta de voz da noiva.

Beira-Mar 
Direção: Pedro Pellegrini  (Ficção, 2020, 21min 20seg)
Sinopse: Após ter o carro avariado no meio de uma viagem, uma garota vai se deparar com três estranhos que podem conhecê-la melhor do que ela imagina. Embora as três pessoas tenham personalidades distintas, todas elas têm um aviso em comum: a garota precisa consertar o carro e seguir viagem antes que o dia termine, ou sua vida estará em risco.

Fica em Casa, Rafael 
Direção: Calixto Bento (Documentário, 2021, 05min 20seg)
Sinopse: Durante a pandemia de Covid-19, Rafael ocupa a escadaria de uma casa abandonada em Santa Maria (RS) e faz dela sua moradia. Este documentário é a visão de um vizinho que acompanhou essa história.

Liberta
Direção: Vinicius Denardin (Documentário, 2021, 13min)
Sinopse: Muitas memórias, algumas incertezas, quatro jovens e um torneio de futebol.

Magnum Opus 
Direção: Argos Miron (Ficção, 2019, 09min 32seg)
Sinopse: O artista Thomas nunca deixou de buscar inspiração, independentemente das suas fontes, logo descobriu, faltava uma cor mais vibrante em suas obras, que o pigmento vermelho que ele usava não era o ideal para o contraste que buscava. Em um surto, Thomas tira a vida de Alice, e percebe que era exatamente aquele tom de vermelho, que faltava para suas obras ficarem completas.

Mulher de Luta 
Direção: Marcos Borba (Documentário, 2021, 04min 21seg)
Sinopse: Luta, solidariedade e dedicação através da experiência da Irmã Lourdes.

Olhares do Rosário
Direção: Gabriele Bordin, Guilherme Superti, Milena Bittencourt e Tiago Teixeira (Documentário, 2019, 09min 02seg)
Sinopse: Diferentes olhares refletem a memória e a trajetória do bairro Rosário.

O Traço Art Déco em Santa Maria 
Direção: Daniel Paim (Documentário, 2021, 04min 50seg)
Sinopse: Localizar Santa Maria no mundo Art Déco e apresentar o acervo que a cidade contém em suas ruas e avenidas são a razão de ser do documentário. Referências históricas e marcos locais pontuam essa apresentação realizada com vistas às comemorações do mês do Art Déco em Buenos Aires. Trata-se de uma primeira aproximação ao produzida à distância [Covid-19] pela equipe do Coletivo Memória Ativa.

Quando Te Avisto 
Direção: Denise Copetti e Neli Mombelli (Documentário, 2020, 24min 46seg)
Sinopse: O que acontece quando dois olhares se cruzam? E se esses olhares compartilham de um mesmo espaço, mas se constituem em mundos próprios? O que afasta e aproxima indígenas e não indígenas?

Quarentena em um Hostel Argentino 
Direção: Rafael Sanches Guerra (Documentário, 2020, 18min 21seg)
Sinopse: Em um hostel cercado por montanhas, no interior da Argentina, um gaúcho registra, com um celular, a quarentena na vida de cinco moradores isolados. Em meio ao caos de uma pandemia, essas pessoas encontram refúgio na mudança de hábitos, na convivência diária e também ao fazerem uma horta na propriedade.

Sábado Subversivo 
Direção: Denise Copetti e Marcos Borba (Documentário, 2021, 04min 04seg)
Sinopse: Sábado de 1968. Santa Maria. Humberto Gabbi Zanatta relembra o impedimento da realização de um congresso organizado pela juventude santa-mariense junto ao movimento de trabalhadores em resistência à ditadura militar.

Sozinho [ Em Casa ] 
Direção de Lucas Guillande (Documentário, 2021, 22min 31seg)
Sinopse: Quando o músico Gabro Demais apresenta suas novas canções feitas na quarentena ao amigo e diretor Lucas Guillande, um universo visual autêntico e mágico se cria na parceria entre os dois artistas, isolados no novo apartamento de Gabro. Dividido em quatro capítulos — O Tempo, O Corpo, O Amor, O Futuro — o curta musical retrata o processo criativo e as inquietações artísticas e emocionais dos amigos a partir de um relato ricamente ilustrado, que transcorre a pandemia do coronavirus, o isolamento social de 2020 e as cicatrizes latentes do músico e do videografista.

Tô Viva 
Direção: Isadora Bispo (Ficção, 2021, 05min 02seg)
Sinopse: Corpos que (re)existem e lutam diuturnamente para sobreviver na sociedade. Inspirado nas histórias de Madame Satã.

Um Oito Sete 
Direção: Daiana Schneider Vieira (Documentário, 2020, 16min 15seg)
Sinopse: O que você faria com R$ 187,00? Partindo deste questionamento, o documentário aborda questões relativas à pobreza e às desigualdades sociais.

14° Santa Maria Vídeo e Cinema
De 14 a 18 de setembro

Realização
SMVC

Co-promoção
Prefeitura Municipal de Santa Maria
UFSM – Universidade Federal de Santa Maria
Sinprosm – Sindicato dos Professores Municipais de Santa Maria
Diário de Santa Maria

Organização
Filmes de Junho Produtora
IdeiaAção Design e Planejamento
Padrinho Agência de Conteúdo

O 14° SMVC é um projeto selecionado no edital 004/2020 – Produção Artística e Cultural de Santa Maria, realizado com recursos da Lei nº 14.017/2020 – Lei Aldir Blanc

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo