DestaqueRegião

SÃO GABRIEL. Governo do Estado decide fechar unidade do IPE no município e enfurece o prefeito

Rossano reafirmou que está indignado, mas não surpreso com a decisão

Por Prefeitura de São Gabriel

Prefeito Rossano Gonçalves diz que decisão não se justifica nem mesmo sob os critérios da racionalidade econômica (Foto Divulgação)

Mesmo sem ter despesas adicionais com o funcionamento do Escritório local do Instituto de Previdência do Estado em São Gabriel, o governo estadual decidiu por cancelar o convênio com a Prefeitura para a manutenção dos serviços da autarquia, determinando o fechamento da unidade local a partir do mês de setembro. A decisão – unilateral – foi comunicada por ofício pelo diretor administrativo do IPE Prev, José Carlos Ferreira da Silva, ao prefeito Rossano Gonçalves.

O diretor justificou a medida como parte do programa de modernização da autarquia.

“Com a finalidade de aperfeiçoar o atendimento e torná-lo mais dinâmico, estamos aprimorando mecanismos modernos e passando boa parte dos nossos serviços para os meios digitais, via aplicativos e mensagens eletrônicas”, afirmou o diretor.

O prefeito expressou indignação com a decisão que, segundo ele, não se justifica nem mesmo sob os critérios da racionalidade econômica, já que as despesas funcionais do escritório são assumidas pelo Município, que fornece os servidores para o local.

“Impressiona o governo falar em modernização uma medida que repassa a maior parte dos serviços para canais digitais, ignorando que a grande massa do público-alvo da autarquia é de pessoas idosas, que terão maior dificuldade para acessar os serviços do instituto”, observa.

Rossano reiterou que está indignado, mas não surpreso com a decisão do governo estadual.

“O Governo já encerrou as atividades da Exatoria Estadual, já repassou os serviços de carteira de identidade para o Município, não envia investimentos para as estradas estaduais da região, tudo isso de forma muito planejada, com um único objetivo: afastar cada vez mais os serviços públicos do cidadão”, salienta.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo