DestaqueRegião

SÃO GABRIEL. Prefeitura adianta, até o próximo dia 10, o pagamento do 30% do 13º salário dos servidores

Administração gabrielense quer evitar que o funcionalismo financie o seu 13º

Prefeito Rossano Gonçalves: medida é uma demonstração de saúde financeira e boa gestão dos recursos públicos (Foto Divulgação)

Por Prefeitura de São Gabiel

Como resultado direto da contenção de gastos empreendida pela gestão municipal, os servidores municipais receberão, até o dia 10 de setembro, 30% do valor líquido da Gratificação Natalina constitucional, o chamado 13º salário. A determinação foi repassada aos secretários municipais da Fazenda, Artur Goularte, e Administração, Vagner Aloy.

A decisão é parte de um conjunto de medidas que visa evitar que os servidores tenham que financiar o 13º salário em instituição bancária, como em anos anteriores, diminuindo a despesa do Município com juros bancários e facilitando a vida do servidor, evitando toda a burocracia inerente a empréstimos bancários.

“Vale ressaltar que este valor vai entrar limpo na conta do servidor, sem os descontos de consignados ou similares”, assinala o secretário Artur Goularte.

O prefeito Rossano Gonçalves assinala que a medida é resultado direto do corte de gastos feito por todas as secretarias.

 “Em tempos de pandemia, com a dificuldade batendo à porta de muitas prefeituras gaúchas, poder adiantar uma parte do 13º salário aos servidores é uma prova não apenas de sensibilidade social com nossos funcionários, mas especialmente uma demonstração de saúde financeira e boa gestão dos recursos públicos, graças à toda a equipe de colaboradores da gestão municipal”, assinala.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo