DestaqueSegurança

REGIÃO. Polícia Civil reforça investigação sobre o desaparecimento de adolescente em Restinga Sêca

Gabriela, de 15 anos, sumiu no dia 14 deste mês, da zona rural do município

Reproduzido do Site do Correio do Povo / Com foto de Reprodução

A Polícia Civil reforçou a investigação sobre o desaparecimento de Gabriela Ferreira Glasenapp, 15 anos, residente na localidade de Rincão do Sossego, na zona rural de Restinga Sêca. A adolescente sumiu no dia 14 deste mês.

Segundo o diretor da 3ª Delegacia de Polícia Regional do Interior (3ª DPRI), delegado Sandro Meinerz, agentes de Santa Maria somaram-se à apuração do caso.

As primeiras informações apontam que duas mulheres e um homem exigiram o pagamento de R$ 450 relacionado a uma suposta dívida da jovem, sendo paga a quantia estipulada por parte da família com a transferência do dinheiro via Pix. “A adolescente foi ao encontro dessas pessoas depois que a mãe pagou a dívida”, resumiu o delegado Sandro Meinerz.

O telefone (55) 3261344 da DP de Restinga Sêca atende inclusive ligações anônimas que possam levar ao paradeiro da adolescente. O 197 da Polícia Civil também está à disposição.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo