DestaqueEstado

ESTADO. Governador nomeia 11 novos secretários. Orientação é “não reinventar a roda”, disse Ranolfo

Posse dos que assumem no lugar dos candidatos acontece nesta terça-feira

Novos secretários estaduais substituem os titulares que deixaram os cargos para concorrer no pleito de outubro (Foto Reprodução)

Reproduzido do Site do Correio do Povo / Com informações do Palácio Piratini

O governador Ranolfo Vieira Júnior (PSDB) anunciou, nesta segunda-feira, o nome dos 11 novos secretários de governo. Entre as nomeações, alguns adjuntos e integrantes do órgão, que passaram a comandar a pasta definitivamente, e outras indicações da base governista. A primeira reunião com o secretariado ocorrerá amanhã, às 10h, no Galpão Crioulo. 

Foram anunciados Volnei Minozzo para pasta de Obras e Habitação; Marjore Kauffman para o Meio Ambiente; Domingos Velho Lopes para Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural; o vereador de Porto Alegre, Hamilton Sossmeier (PTB), para Trabaho, Emprego e Renda; Luiz Gustavo de Souza para Logística e Transporte; Letícia Boll Vargas – presidente estadual do PSD – para Esporte e Lazer; Rafael Aildo para Turismo; Carlos Rafael Mallmann para Desenvolvimento Urbano e Metropolitano; Marcia Pires de La Torre para Igualdade, Cidadania, Direitos Humanos e Assistência Social; e Patrícia Kotlinski de Carvalho para secretaria extraordinária de Relações Federativas e Internacionais. 

Considerada estratégica, o nome de quem comandaria a Segurança Pública já havia sido anunciado no domingo. A pasta ficou sob encargo do coronel da reserva e ex-comandante geral da Brigada Militar (BM) Vanius Cesar Santarosa. Além das secretarias, também foi anunciada a entrada de Flávia Colossi Frey como Chefe de Gabinete, que passa a ter status de secretária. 

Na posse do novo secretariado, Ranolfo aproveitou para reforçar que os novos nomes, assim como ele, que assumiu o comando do governo na última quinta-feira, não iriam “reinventar a roda” mas, sim “dar segmento”. “Temos aqui nove meses pela frente, não tem porque alterar aquilo que vem dando certo”, complementou. Até porque, segundo o governador, todos as decisões durante gestão de Eduardo Leite (PSDB) tiveram a sua participação. “Até o plano de governo, lá em 2018”, contou. 

Ele pediu aos novos secretários um olhar atento aos investimentos feitos pelo programa ‘Avançar’ em cada pasta, afirmando que chegavam ao valor de R$ 6,3 bilhões em todas as áreas. Ranolfo fez questão de destacar o motivo da saída dos secretários – as exigências do calendário eleitoral – e agradecer ao empenho e a dedicação dos mesmos.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo