Calor e choradeira dos jornalistas. Inclusive eu

Hannover – 15h24 – Um incrível calor, para os padrões locais, toma conta de Hannover. São 17 graus centígrados neste momento, com a tarde chegando ao meio. E, de manhã, 12 graus – a maior temperatura para este horário, desde que desci em solo alemão.
      A feira fervilha mas, curiosamente, os jornalistas são prejudicados. É o reclamo público que faço. Temos que atender tantos compromissos (no meu caso, Rádio, TV, Jornal e Internet), que acabamos frustrados. E são todos, acredite. Há que se encontrar conexões com internet, telefone, e, em vários casos, também para áudio e vídeo. Mas, enfim, não nos queixamos. Exceto pelo fato de não conseguirmos, como gostaríamos, sentir e ver a feira em sua plenitude. Especialmente esta, com seus mais de 6 mil expositores. Numa palavra, isso aqui é uma monstruosidade. Choradeira à parte, vamos ao trabalho, que é o que interessa.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *