Um novo bafafá. E, quem sabe, uma trégua

O vereador João Carlos Maciel, em seu programa na Rádio Medianeira, convocou os eleitores para prestar-lhe solidariedade na sessão da Câmara de hoje. E alguns deles foram. Foi o resquício do bate-boca com a Vereadora Anita Costa Beber, na última terça-feira – com a participação subsidiária, também, de Isaias Romero.
      Não creio, definitivamente, ter sido uma boa idéia. Na verdade, a atitude concocatória acabou provocando, isso sim, um novo forrobodó verbal hoje no Legislativo – pelo que pude depreender do noticiário da Assessoria de Comunicação da Casa.
      De novo Anita sentiu-se ofendia. De novo, e agora com muito mais força, Romero foi à tribuna para digladiar de forma mais virulenta com seu colega de profissão e de parlamento. E a coisa desandou, em mais um episódio que desonra as boas relações parlamentares. Resvalando, inclusive, para acusações de falta de ética que, certamente, não contribuem para o exercício salutar da política. Ao menos é o que penso.
      No entanto, ao que parece com a interferência de terceiros, firmou-se um acordo. Maciel teria se comprometido com Anita de não repetir seu procedimento de convocar eleitores nem criticá-la “injustamente”. Fez-se a paz.
      É desagradável afirmar isso, mas tenho a impressão que esta novela ainda não chegou ao último capítulo. Resta esperar para ver.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *