Arquivo

2º mandato. Dilma vai mandar (ainda) mais

É consenso, entre todos os que acompanham o governo de Luiz Inácio Lula da Silva. Especialmente depois que se escarrapachou no chão o então todo-poderoso José Dirceu, ninguém manda mais, no Palácio do Planalto, depois do Presidente, que a gaúcha (nascida em Minas) Dilma Rousseff.

Por seu estilo particularmente duro, quase inflexível, depois de tomada uma decisão, a então Ministra de Minas e Energia foi promovida a ministra-chefe da Casa Civil. E, ali, tornou-se a principal auxiliar do Presidente.

Com a iminência de uma vitória lulista, e a perspectiva de um segundo mandato logo ali, 10 entre 10 analistas conferem ainda mais poder a Dilma, dado obviamente pelo Presidente da República. Confira, a propósito, nota publicada agora há pouco pelo jornalista Josias de Souza, em sua página na internet, citando a coluna “Painel”, do jornal Folha de São Paulo:

”As meninas superpoderosas do Lula

Ela é mais sóbria do que uma garrafa de aguardente lacrada. Tem a visibilidade de uma sombra no escuro. Seu hobby é o poder. O perfume preferido, o êxito. Para ela, o acerto não é a coisa mais importante. É a única coisa importante.

Conduz reuniões com extrema paciência, desde que desemboquem nas decisões que tomou previamente. Seu idealismo é do tamanho do orçamento. Seus sonhos têm o diâmetro do cérebro. Só atravessa via de mão única depois de olhar para os dois lados.

Está-se falando de Dilma Rousseff. Portando-se como anti-Zé Dirceu, a chefona da Casa Civil fincou raízes no quarto andar do Planalto. Se Lula for reeleito, ela vai compor com outras duas mulheres – Miriam Belchior e Maria das Graças Foster – a trinca das meninas de ouro do presidente. Eis o que informa o Painel:

Superpoderosas – Uma das novidades que Lula pretende introduzir em seu governo caso vença a eleição é um gabinete de monitoramento de gestão diretamente subordinado ao presidente da República. A aliados, disse que a demora para colocar em prática as decisões tomadas foi um dos problemas do primeiro mandato e que não pretende repeti-lo. No desenho esboçado por Lula em conversas, o comando da nova estrutura caberia à ministra Dilma Rousseff, que deve continuar na Casa Civil. Duas outras mulheres fariam parte do gabinete: Miriam Belchior, assessora especial da Presidência, e…


SE DESEJAR ler a íntegra da nota, pode fazê-lo acessando a página do jornalista na internet, no endereço http://josiasdesouza.folha.blog.uol.com.br/.

ATENÇÃO


1) Tua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo