Arquivo

Novo Piratini. Pozzobom é um dos cinco que Yeda nomeou para tratar da transição política

Reproduzo, a seguir, nota que publiquei pouco antes do meio dia de ontem. E dá conta do status adquirido pelo vereador santa-mariense do PSDB, Jorge Pozzobom. Confira:


Está marcada para as 9 da manhã desta segunda-feira, em Porto Alegre, a primeira reunião do grupo nomeado pela governadora eleita, Yeda Crusius, para tratar, pelo PSDB, especificamente da transição política de governo. Um dos integrantes é o santa-mariense Jorge Pozzobom, vereador tucano que chegou à terceira suplência na eleição para deputado federal.

O próprio Pozzobom me disse, na noite deste sábado, que o grupo terá poder para, em nome e sob o comando da governadora, tratar de diversos temas políticos – inclusive a interlocução com as outras agremiações aliadas para tratar da composição do governo.

Confirma-se, como já disse e escrevi em outras ocasiões, que será Jorge Pozzobom o grande avalista de qualquer coisa que o governo Yeda pensar para Santa Maria. Ele até pode não nomear quem quer que seja (embora deva fazer isso também), mas nenhum nome será chancelado sem antes ele ser ouvido. Ou alguém imagina que possa ser diferente?

Além de Pozzobom, compõem o quinteto nomeado pela governadora, a deputada estadual eleita (e grande candidata a ocupar vaga no secretariado) Zilá Breitenbach, e os também suplentes de deputado estadual Gilberto Cunha e Mauro Sparta e o primeiro suplente de deputado federal Cláudio Diaz.

ATENÇÃO


1) Tua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo