Arquivo

Coluna Observatório. “Pode esperar: vem, em agosto, o bate-chapa dos tucanos”

Jobim e Pozzobom, os

nomes em torno dos

quais se divide o PSDB

 

 

A bronca de Jorge Pozzobom, pra lá de brabo com reportagem em que se colocava a participação fundamental dos deputados no encaminhamento de nomeações de Cargos Regionais (que A Razão publicou entre segunda e terça-feiras) é apenas (mais) um episódio a deixar bem clara a divisão que existe no PSDB de Santa Maria.

 

E que vai durar ao menos até a convenção municipal tucana prevista para agosto. É o momento em que tudo se define, pois haverá um bate-chapa no PSDB local. De um lado, apenas para personificar (não são os únicos, em ambas as direções) Jorge Pozzobom e Álvaro Rochedo; de outro, Ricardo Jobim e Vitélio Rossi de Freitas.

 

Pelo que se pode sentir, pode até haver um acordo para a Presidência (e Vitélio teria a dianteira), mas dificilmente ele se dará na composição do restante da Executiva e no Diretório – que vão encaminhar a convenção decisiva de 2008, quando se saberá o que quer o PSDB, em termos de eleição majoritária municipal.

 

Aliás, é por conta desse fracionamento que ainda não se pode dar como 100% certa a aliança entre tucanos e ex-comunistas (do PPS), com Luiz Celso Giacomini como cabeça de aliança. E é essa divisão que, pensa Observatório, poderá até inviabilizar a presença tucana como protagonista, no próximo ano. Giacomini, que é hoje mais cobiçado até do que José Haidar Farret, está sendo procurado por todos. E não apenas pelo tucanato. Por que o charme giacominista? Porque, com alguma razão, todos entendem ser o ex-peemedebista alguém capaz de encarnar o “novo”. E não o ex-prefeito. É, ao menos, a tese.

 

E é, igualmente, a fragmentação tucana que impede, inclusive, negociações mais conclusivas. Até porque os potenciais aliados não sabem quem tem a hegemonia. E, portanto, cacife para negociar. Isso vale até agosto.

 

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo