Arquivo

Bancários. Funcionários aceitam proposta e reabrem as agências da Caixa Econômica Federal

A decisão foi tomada em nível nacional. E acabou referendada na noite desta terça-feira, pelos funcionários da instituição em Santa Maria e no centro do Estado. Os bancários aceitaram a proposta feita pela direção da Caixa Econômica Federal. E, com isso, acaba a greve iniciada semana passada.

 

A propósito da decisão local e regional, e o conteúdo do que ofereceu (e foi aceito) a CEF, leia o material distribuído à imprensa, pela assessoria de comunicação do sindicato da categoria bancária. A seguir

 

“Santa Maria: Bancários da Caixa aceitam proposta

Na assembléia realizada na noite desta terça-feira, os empregados da Caixa Econômica Federal de Santa Maria e região aceitaram, por unanimidade, a proposta salarial da instituição e acabaram com a greve.
Além da melhora da Participação nos Lucros e Resultados (PLR) e outros itens, a Caixa se comprometeu a respeitar o acordo com a Fenaban (Federação Nacional dos Bancos), no que diz respeito ao índice de 6% de reajuste para todas as verbas salariais, pagamento da 13ª cesta-alimentação e não descontar os dias parados em decorrência da greve.

Proposta da Caixa Econômica Federal aprovada

Reajuste salarial – 6% para salários e demais verbas

PLR (Participação nos Lucros e Resultados) – R$ 4.100,00 aos empregados não-comissionados e R$ 4.362,84 aos empregados comissionados

Adicional à PLR – 600,00

Adiantamento de férias – Parcelamento passa de 5 para 10 meses sem juros

Plano de Cargos e Salários – Construção de diretrizes e premissas do novo PCS em 30 dias após a assinatura do acordo. Apresentação da proposta de novo PCS até 30 de abril de 2008. Implantação até 1º de julho de 2008

Unificação das carreiras – Todos os empregados da carreira administrativa passam a ter um único Plano de Cargos Salários. Além disso, as atuais vantagens pessoais (VP) dos escriturários passam a integrar a tabela do PCS, o que traz mais segurança na carreira funcional do empregado.

Incorporação – Os R$ 30 (correspondentes à campanha de 2004) serão incorporados no Plano de Cargos e Salários, realinhando a curva salarial numa nova tabela. A forma de ascensão será por antigüidade e merecimento e os critérios serão apresentados até 30 de abril de 2008.

Emprego – Contratação de mais 3 mil empregados até dezembro deste ano e realização de concurso público em março de 2008

Taxa de juro – Os bancários da Caixa terão direito à menor taxa de juro de consignação nominal

Internet – Em até 30 dias após a assinatura do acordo devem ser apresentadas pela Comissão de Funcionários propostas de alterações para facilitar a utilização da internet.

Saúde Caixa – Fica garantido aos empregados em efetivo exercício na Caixa e que venham a se aposentar pela Previdência Social o plano de Saúde Caixa.

Licença Prêmio e Apip – Conversão de até 30 dias da licença-prêmio – para aqueles que já têm este direito – mais a Apip (ausência permitida para tratar de interesses particulares) em espécie.

13ª Cesta-Alimentação – Incorporada ao contrato de trabalho de R$ 252,60.

Bolsas – Ampliação da bolsa de incentivo à graduação para 4.100 vagas

Idiomas – Bolsa para cursos de idiomas – inglês, espanhol e japonês – de até R$ 1.200 por ano.

Antecipação do tíquete-refeição – Aos contratados até o 15º dia útil do mês

Auxílio-creche a partir do 1º mês – Empregados atualmente no Plano de Melhoria de Proventos e Pensões (PMPP) poderão aderir ao novo plano de benefícios do fundo de pensão.

Funcef – Reabertura do saldamento do REG/Replan e da adesão ao Novo Plano. A empresa assume ainda o compromisso de fazer a transferência dos aposentados do Plano de Melhoria de Proventos e Pensões (PMPP) para a Funcef.

Dias parados – Compromisso de não descontar os dias parados em decorrência da greve por tempo indeterminado, deflagrada em 3 de outubro. “

 

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo