Arquivo

Observatório. Confira aqui a versão original da coluna publicada neste sábado, 22 de novembro

“YEDA X MAGISTÉRIO”, APENAS UMA PRÉVIA

 

 

APOSTE – queda de braço entre o governo do Estado e o Magistério, agora, é apenas uma prévia do que virá, meeeesmo, em março, quando a Assembléia Legislativa votar o projeto do piso salarial estadual. Isso, claro, se os deputados votarem.

 

 

 

“BURMANN ATRÁS DE UM CANDIDATO A VICE, NA ELEIÇÃO PARA REITOR DA UFSM”

 

 

Foi confirmado no meio desta semana o nome do parceiro de chapa de Felipe Muller, na eleição para a reitoria da UFSM. Como o leitor deste espaço já sabia, será mesmo o atual diretor do Centro de Ciências Rurais, Dalvan Reinert.

 

O candidato de oposição, Paulo Burmann, do curso de Odontologia (Centro de Ciências da Saúde) ainda discute com seus parceiros de aliança quem será o vice. Nilza Zampieri, ao contrário do que chegou a ser publicado (inclusive no site editado por este colunista), não será – o que ela mesma garantiu a Observatório.

 

Uma terceira chapa? Para não dizer que é impossível, trata-se de uma improbabilidade próxima aos 100%. Inclusive porque tem gente “se guardando” para 2013.

 

 

 

“LUIZ CARLOS PRESTES MORREU. AGORA, DE VEZ”

 

 

Diz-se e noticia-se que anda a passos largos o processo que terminará na absorção do Partido Popular Socialista (PPS) pelo Partido da Social-Democracia Brasileira (PSDB). Embora os articuladores falem em proximidade ideológica, a razão é bem mais pragmática: fortalecer a candidatura tucana à Presidência da República, em 2010. Especialmente se for a do governador paulista de José Serra.

 

A pergunta é: que tipo de repercussão o novo partido (que implodirá a sigla PPS, mantendo o PSDB) haverá em Santa Maria? A resposta: nenhuma. O tucanato, também aqui, será dominante, apesar de algum possível esperneio inicial dos engolidos.

 

Como curiosidade, fica o fato de o PPS, que já foi PCB (e portanto comunista), virou neocomunista (ao trocar de sigla), transformou-se em neoneocomunista (ao receber nomes do PMDB) e recentemente é inclusive ex-comunista, agora simplesmente morrerá. Como o corpo de Luiz Carlos Prestes – que deve estar se remoendo na tumba. Só as idéias continuam: mas estão com o PCB, que em Santa Maria coligou-se com o PSOL, na chamada Frente de Esquerda.

 

 

 

“PARA A GOVERNADORA, DERROTAR NÃO BASTA”

 

 

Perto de meia noite de quinta-feira. É o momento em que é redigida esta nota. E há completa indefinição sobre o fim da greve do magistério estadual. Embora todas as condições objetivas estejam postas para que o movimento encerre com todas as partes satisfeitas, subsiste no colunista uma impressão: a governadora Yeda Crusius não quer apenas a derrota do CPERS e da categoria. Mas pó-los de cócoras. Essa postura, que tem defensores importantes, não é saudável na política. Em qualquer política. Isso não vai terminar bem, no médio prazo. Pode anotar.

 

 

 

“SCHIRMER ANUNCIA 3 PRIMEIROS NOMES DO SECRETARIADO. E HÁ UMA NOVIDADE”

 

 

O juiz da data do anúncio do primeiro escalão é o prefeito eleito, Cezar Schirmer. Ele chegou a declarar, inclusive, não ter feito qualquer convite. O que, aliás, reiterou nesta sexta-feira, quando confirmou os primeiros três nomes: Carlos Brasil Pippi Brisola (Administração e Recursos Humanos), Antonio Carlos Lemos (Finanças) e Giovani Carter Manica (Chefia de Gabinete). Os dois primeiros, já aguardados. Quanto ao terceiro, só o leitor de Observatório não levou um susto.

 

De todo modo, a inexistência oficial dos demais secretários, passado mês e meio do pleito, implica na proliferação de boatos e especulações que deixam meio mundo nervoso e tendem a gerar, por tabela, prejuízos até à integração da equipe de governo.

O problema provavelmente seja amainado com o anúncio do prefeito eleito, que deverá, até 15 de dezembro, dar conta à comunidade de todos os integrantes do primeiro escalão. O que, imagina-se, possa deixar muita gente preocupada, mas ao menos o prazo não é longo assim.

 

Com a palavra de Schirmer, sobre o tempo, é possível supor que se evitarão novos episódios como os daqueles supostos “secretários” que têm saído por aí a alardear a nova condição, o que gera desconforto interno e externo. Exemplo: o militante do PMDB que esteve na secretaria de Cultura, todo engravatado, seria muito melhor recebido se fosse, meeesmo, o próximo titular. Aliás, foi ele também o que convidou, em plena Feisma, ao menos duas pessoas, para assessorá-lo. Curiosamente, porém, a secretaria já era outra. Com certeza, fatos como esses não ajudam o ambiente interno.

 

O início da divulgação do secretariado, ontem, deve inibir esse tipo de atitude. Ah, para constar, confira só a nota publicada pela seção “Luneta”, há exatamente três semanas: “Você quer, meeeesmo, um nome? Então, anote: Giovani Manica. Foi sugerido. Será acatado? Só Deus, ops, Cezar Schirmer sabe

 

 

 

“CLÁUDIO ROSA ESQUECEU DO JOÃO CARLOS MACIEL. MAS, ESQUECEU MEEEESMO?”

 

 

Relato da sessão da Câmara da última terça-feira: feito pela assessoria de imprensa: “(Cláudio Rosa) declarou, ainda, esperança de que os vereadores Jorge Pozzobom e Tubias Calil sejam eleitos Deputado Federal e Estadual, respectivamente, pois assim a cidade teria parlamentares defendendo os interesses da região.”

 

Tradução claudemiriana: Cláudio Rosa crê que seu partido não terá candidato à Câmara dos Deputados (ou Pozzobom será cooptado pela sigla) e João Carlos Maciel até pode se candidatar à Assembléia, mas já sabe de quem não tem apoio.

 

 

 

“UMA RESOLUÇÃO NO MEIO CAMINHO DOS VIRA-CASACAS. INCLUSIVE EM STA MARIA”

 

 

A seção “Não custa lembrar”

 

 

Em 18 de novembro de 2000:

 

“* Pois é: Enir Garcia dos Reis vai deixar o PMDB.

* O neodefensor dos animais vai concorrer a deputado federal pelo PPB, sonhando com uma dobradinha tendo José Farret como parceiro.

* Mas os peemedebistas não precisam chorar. Poderão receber a adesão, logo logo, de Sérgio Cechin, hoje pepebista.

* E a bolsa de apostas, ainda que com o bolso – no caso, o voto – alheio, continua. Além de Enir e Cechin, também Celestino Forgiarini, eleito pelo PDT, com a fuzarca no próprio (extinto) partido, está de malas prontas.

* O que não se sabe é se para o PT ou o PSB – que, neste caso, ganharia uma bancada e uma penca de assessores. “

 

Hoje:

 

Passados exatos 8 anos mais 4 dias da publicação das notas ao lado, na “Luneta”, que ninguém pense haver só faceiros com seus partidos, após menos de dois meses do pleito municipal. Há, sim, quem se sente desconfortável na sigla pela qual foi eleito. Ou, até, pensando se é conveniente manter-se nela pelos próximos quatro anos – ou três, se o Congresso aprovar “janela da traição”, para quando estiver a 13 meses do próximo pleito.

O que difere os tempos de agora dos de ontem é que há uma resolução do Tribunal Superior Eleitoral, validada pelo Supremo Tribunal Federal. E aí a pena é muito dura para eventuais vira-casacas: a perda do mandato.

 

 

 

“CANDIDATURAS PARA 2010, UM NOVO ROLO A CAMINHO NO PT DA BOCA DO MONTE”

 

 

A seção Luneta

 

 

Lembra a disputa de oito anos atrás, no PT de Santa Maria, com dois candidatos a deputado federal? Paulo Pimenta e Marcos Rolim eram os concorrentes. O segundo não se elegeu.

 

O final da história necessariamente não precisa ser o mesmo, mas em 2010, ao que tudo indica, haverá uma disputa semelhante. Só que por uma vaga na Assembléia Legislativa.

 

Fabiano Pereira estaria desistindo da pretensão de virar deputado federal, pelo menos por enquanto. E, nesse caso, concorreria à reeleição.

 

Detalhe: Valdeci Oliveira também concorrerá a uma vaga no Palácio Farroupilha. É a velha divisão petista surgindo outra vez. Mmmmmm…

 

 

Audiência pública que tratou do projeto que reduz à metade à taxa de manutenção dos cemitérios municipais foi um fiasco de público. Apenas três contribuintes compareceram.

 

O número é igual ao de edis da comissão que trata do projeto. Além do autor, Cláudio Rosa, estiveram no plenarinho da Câmara, quarta-feira, Luiz Carlos Fort (presidente) e Sérgio Cechin (relator).

 

Não é demais repetir, especialmente aos que têm (com suas razões) reclamado: por opção já explicada, o colunista não entrou no processo de especulação de nomes para o secretariado.

 

Dito isto, e sem entrar na nomenclatura, se pode dizer que, afora o nome óbvio para a pasta de Cultura, há ao menos um quinteto de cotados nos bastidores: três são mulheres.

 

O PSOL praticamente adotou o delegado federal Protógenes Queirós – o da operação Satiagraha, que engaiolou por dois dias o banqueiro Daniel Dantas.

 

Protógenes tem participado de vários atos públicos patrocinados pelo partido de Sandra Feltrin e tem tudo para virar candidato a algo coisa em 2010. Por qual sigla? Tcham-thcam-tcham-tcham!

 

E em Santa Maria? Afora as indefinições de sempre no PMDB e no PT, só dois candidatos postos: Jorge Pozzobom (PSDB?) a deputado federal e José Farret (PP) a estadual.

 

Ah, e diz-se que Marcelo Bisogno concorre à Assembléia, pelo PDT. E os demais partidos, vão apresentar nomes para deputado? E quem? Perguntas ainda sem resposta aparente.

 

Você também pode encontrar este colunista diariamente às 7h45, e ao meio dia, na rádio Antena 1; e a qualquer momento no site www.claudemirpereira.com.br.

 

 

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo