Eleições 2010PartidosPolítica

REPÚDIO. PSOL denuncia ato de vandalismo contra a sua sede, bem no centro de Santa Maria

A sede do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) em Santa Maria fica na rua Pantaleão. A menos de 300 metros da Prefeitura Municipal, e pouco mais que isso da Praça Saldanha Marinho. Pois o local sofreu ato de vandalismo provavelmente na noite de segunda, madrugada de terça. O fato foi registrado na polícia e, agora, a dirigente máxima da sigla, na cidade, a advogada Sandra Feltrin, está divulgando uma nota pública, que você lê a seguir, na íntegra:

 Nota de repúdio – Partido Socialismo e Liberdade (PSOL/SM)

 No dia 25 de agosto de 2009, terça-feira pela manhã, encontramos a sede municipal do Partido Socialismo e Liberdade (localizada na rua Dr. Pantaleão, nº 74) coberta de adesivos com o seguinte teor: “Governo Yeda, o Rio Grande, grande de novo”. Esta ação foi certamente realizada pelos apoiadores e cúmplices do governo que possui a pior avaliação nacional de desempenho, visto os sucessivos ataques aos servidores públicos do estado, envolvimento no maior esquema de corrupção estabelecido em nosso estado, truculência no tratamento dos movimentos sindical e social – das quais temos a execução do sem-terra em São Gabriel.

 Registramos ocorrência policial na 1ª Delegacia de Polícia juntando fotos de como encontramos a sede do partido. Esperamos que o ato não se repita e que nossos opositores nos enfrentem no debate democrático, com argumentos, no embate político as claras e não com agressões materiais e ameaças. O RS não quer voltar aos tempos dos ataques clandestinos da direita reacionária, que tem por prática agir na calada da noite.

O PSOL reitera sua posição de oposição a este governo corrupto e truculento e não iremos descansar enquanto esta terra improdutiva que constitui o governo estadual não seja ocupada por um governo compromissado com o povo trabalhador e pobre.

 Sandra Feltrin 

Presidente PSOL-SM”

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

3 Comentários

  1. este é o “NOVO JEITO DE GOVERNAR´´, como é fácil entregar viaturas para a brigada militar construir o presidio de santa maria, dar ordem de serviço do hospital regional ( com 80% dos recursos federais )imagina se não tivesse estes recursos o que seria de nós Gaúchos.

  2. Eu diria que a prova da insanidade de quem cometeu este ato está muito mais nos dizeres dos adesivos do que no ato em si. Pois o ato de vandalismo é do modus operandi desta gente. Mas o que me chamou a atenção foi a frase: “Governo Yeda. O Rio Grande Grande de novo”.
    Santa Maria vai passar os quatro anos deste governo (se ela chegar até o fim), sem ver a RST 287 consertada.
    O governo Yeda é o mais corrupto ja´existente aqui no estado. Está afundado em um mar de lama. O déficit zero é um engodo. As estatais devem para todo mundo e são um mar de corrupção. E este pessoal vem falar em Rio Grande Grande de novo? Por favor!!!!

  3. As pessoas que fizeram isto demonstram que estão acuadas pois jamais na história do nosso Estado que tenho a honra de ser parte dele formou políticos que sempre tiveram a honestidade acima de tudo independente da sigla partidária.
    Hoje o que se vê é corrupção, arrogância e morte pois quem devia proteger a vida acabam ceifando-ás(a Brigada não é violenta e sim os governos); E depois os outros é que sãotruculentos e baderneiros, esperamos que atos como este, que aliás aconteceram na campanha passada a prefeito, sejam apuradas e seus responsavéis punidos“duvido´´.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo