CrônicaSanta Maria

TRAGÉDIAS DECLARADAS. Carlos Dominguez e a vingança da natureza tão maltratada

 “…Todos os cursos d’água tem uma função. Tem uma utilidade. Santa Maria foi sendo edificada em cima de muitos deles. Há 150 anos o ar que se respirava por aqueles pagos era menos pestilento. Menos sujo. Menos poluído. Primeiro foram os tijolos e pedras. Depois o cimento e aço. Construiu-se uma cidade sem planejamento algum. Como a maioria das nossas povoações. Casa por casa, rua por rua, prédio por prédio. Todas estas moradas tiveram de destinar seus rejeitos ao subsolo. Ninguém pensou em guardar água. Havia em abundância. Poços serviam generosamente a quem os abria no solo. Muitos estão em atividades há décadas. Uns legais e muitos outros clandestinos.

Da mesma forma margens de rios e cerros foram sendo sistematicamente despidas de sua cobertura original. Foram sendo pelados de vegetação. As árvores foram expulsas da cidade, exceto por algumas mais teimosas que se esconderam em becos e pátios esquecidos. Nunca um administrador escolhido, indicado ou eleito se preocupou com esta situação. Pouco sobrou…”

CLIQUE AQUI para ler a íntegra do texto “Águas, ventos e outras tragédias declaradas”, do colaborador semanal deste site, Carlos Dominguez. Formado pela UFSM e pós-graduado em Comunicação e Cultura na UFRJ, Dominguez é repórter freelancer, professor do Curso de  Jornalismo da UFSM/Cesnors em Frederico Westphalen e coordenador da Agência de Notícias Da Hora. O texto foi postado há instantes, na seção “Artigos”. Boa leitura!

 

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo