CulturaSanta Maria

SANTA MARIA VÍDEO E CINEMA. Conheça todos os premiados do festival. Muitas palmas para Francine

Francine Flack levou dois troféus de Melhor Atriz: tanto na mostra local quanto na nacional
Francine Flack levou dois troféus de Melhor Atriz: tanto na mostra local quanto na nacional

Como ANTECIPEI ainda na madrugada de domingo, os filmes vencedores das mostras de Santa Maria e Região e Nacional da oitava edição do Santa Maria Vídeo e Cinema foram, respectivamente “Detalhe”, de Maurício Canterle, e “O Velho Guerreiro não Morrerá”, do paulista Paulo Duarte. Mas há um nome local que, pensa o (nem sempre) humilde repórter, não pode ser deixado de lado. Trata-se, no caso, da atriz (que, ela própria confessou, habituada a fazer teatro, atuou em seu primeiro filme) Francine Flack. A moça conquistou o júri das duas mostras, e levou o troféu Vento Norte tanto na competição local quanto na nacional. Palmas para ela, portanto.

Manoela do Monte: tocante homenagem à atriz que protagonizou “Manhã Transfigurada”
Manoela do Monte: tocante homenagem à atriz que protagonizou “Manhã Transfigurada”

E, também, não se deve esquecer nesta hora, de lembrar o trabalho dos organizadores, a começar por Luiz Alberto Cassol, da ONG Santa Maria Vídeo e Cinema, organizadores do evento. E que, por sinal, já definiram a próxima edição, que será no final de agosto do próximo ano e tem, inclusive, sua identidade visual (produzida pelo designer e publicitário  Luciano Ribas) apresentada na noite de sábado.

A destacar, também, na solenidade de encerramento, o pedido (de improviso) feito pelo prefeito Cezar Schirmer, e prontamente respondido pela reitora do Centro Universitário Franciscano (Unifra), irmã Irani Rupulo: proximamente, a cidade terá um curso superior de cinema.

Dito isto, vamos aos premiados. A seguir, a relação integral dos ungidos pelos diversos júris e anunciados e entregues naquela noite festiva, não sem antes lembrar que, em tocante homenagem, a atriz santa-mariense Manoela do Monte recebeu o troféu Vento Norte como homenageada especial, assim como o Rodacine (que leva o cinema a muitos rincões gaúchos) que levou o seu, numa surpresa dos organizadores:

PRÊMIO CONSELHO NACIONAL DE CINECLUBES BRASILEIROS
Enciclopédia, de Bruno Gularte Barreto
MOSTRA COMPETITIVA NA INTERNET
COMPOSTO, de Gibran Sirena e Natália Rissi
MOSTRA NACIONAL DE VIDEOCLIPES
Menção Honrosa (pela riqueza de referências temporais): Vida Sidor, de Geraldo Oliveira
Menção Honrosa (pelo uso da linguagem minimalista e humor): Vizinha Suicídio, de Rafael Jardim
Menção Honrosa (pela produção de guerrilha e envolvimento de corpo e alma): Sonnet’s  Primeiros Segundos, de Fabiano Fogiatto e Guilherme Cassel Bittencourt
Melhor Videoclipe: Elas me querem assim, de Diego Florentino
MOSTRA COMPETITIVA DE SANTA MARIA E REGIÃO
Menção Honrosa (pelo trabalho muito bem desenvolvido no exercício da atuação):
DANIEL LOCAS, pelo curta-metragem PONTO DE CORTE
Menção Honrosa (pela contribuição do resgate e conservação da memória da cidade):
1ª QUADRA, de Marcos Borba
Melhor ator:
PAULO SALDANHA, pelo curta-metragem LEMBRANÇA
Melhor atriz:
FRANCINE FLACH, pelo curta-metragem DETALHE
Melhor trilha sonora original:
GERSON RIOS LEME, pelo curta-metragem 1ª QUADRA.
Melhor desenho de som:
DOUGLAS MENEZES e JACQUES ORTIZ, pelo curta-metragem 3,2,1 BANG!
Melhor roteiro:
DIOGO VIEDO, pelo curta-metragem PONTO DE CORTE
Melhor direção de fotografia:
ALEXSANDRO OLIVEIRA, pelo curta-metragem KRE
Melhor direção de arte:
LILIANE LIEBERKNECHT e JOSEANA STRIGINI, pelo curta-metragem PONTO DE CORTE.
Melhor edição/montagem:
DANIEL QUARTIEIRO, pelo curta-metragem PONTO DE CORTE
Melhor roteiro:
DIEGO VIEDO, pelo curta-metragem PONTO DE CORTE
Melhor curta pelo júri popular:
PONTO E CORTE, de Diego Viedo
Melhor direção:
MAURÍCIO CANTERLE, pelo curta-metragem DETALHE
Melhor curta-metragem:
DETALHE, de Maurício Canterle
MOSTRA NACIONAL COMPETITIVA
Menção Honrosa (pelo resgate e valorização do trabalho em preto e branco e película): MARESIA, DE CHRISTIAN SCHNEIDER
Menção Honrosa (pelo personagem e pela transmissão estética da visão de arte do mesmo):
FRACTAIS SERTANEJOS, de Heraldo Cavalcanti
Menção Honrosa (pela sensibilidade na abordagem do tema e o trabalho artesanal de animação):
EU QUERIA SER UM MONSTRO, de Marcelo Marão
Melhor ator:
MIGUEL RAMOS, pelo curta-metragem A INVASÃO DO ALEGRETE
Melhor atriz:
FRANCINE FLACK, pelo curta-metragem DETALHE.
Melhor direção de fotografia:
MATHEUS MASSOCHINI, pelo curta-metragem SOBRE UM DIA QUALQUER
Melhor direção de arte:
GUILHERME PACHECO, pelo curta-metragem UM DIA QUALQUER
Melhor desenho de som:
Para o curta-metragem A DISTRAÇÃO DE IVAN
Melhor curta-metragem de ficção:
SOBRE UM DIA QUALQUER, de Leonardo Remor
Melhor curta de animação:
COMO COMERUM ELEFANTE, de Jansen Raveira
Melhor curta-metragem pelo júri popular:
A INVASÃO DO ALEGRETE, de Diego Müller
Melhor documentário:
O VELHO GUERREIRO NÃO MORRERÁ, de Paulo Duarte
Melhor curta-metragem:
O VELHO GUERREIRO NÃO MORRERÁ, de Paulo Duarte
Melhor direção:
LEONARDO REMOR, pelo curta-metragem SOBRE UM DIA QUALQUER
Melhor roteiro:
GILBERTO SCARPA, pelo curta-metragem OS FILMES QUE NÃO FIZ
Melhor edição:
PAULO DUARTE, pelo curta-metragem O VELHO GUERREIRO NÃO MORRERÁ

EM TEMPO: se você quiser uma avaliação do Santa Maria Vídeo e Cinema, do ponto de vista bem particular dela, sugiro a leitura do blog da amiga jornalista Silvana Dalmaso. O link é http://silvanadalmaso.blogspot.com/

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo