Câmara de VereadoresPolíticaSanta MariaTragédia

CPI DA KISS. Mesa da Câmara, agora totalmente governista, confirma: relatório não será sequer lido

Sem os tucanos, que se afastaram em meio à ocupação, Mesa Diretora só tem governistas
Sem os tucanos, que se afastaram em meio à ocupação, Mesa Diretora só tem governistas

O que já havia sido antecipado, se confirmou. Invocando artigo do Regimento Interno, a Mesa Diretora da Câmara de Vereadores, informa que o relatório da CPI da Kiss será apenas “conhecido” pelo plenário, mas não será votado, sequer lido.

Os detalhes da reunião dos dirigentes, agora, tanto quanto a Comissão, totalmente governistas, chegam através da assessoria de imprensa da Câmara. O texto é de Ana Bittencourt (também autora da foto) e Clarissa Lovatto Barros. A seguir:

Mesa elabora resolução com publicidade dos encaminhamentos da CPI

Em reunião na manhã desta sexta-feira (05), os vereadores integrantes da Mesa Diretora deliberaram pela elaboração de resolução legislativa, de autoria da Mesa, a qual determina os encaminhamentos formais e regimentais em relação ao relatório final da CPI da boate Kiss.

Conforme o artigo 98 do Regimento Interno do Legislativo, não há necessidade de votação desta resolução legislativa por ser de autoria da Mesa Diretora. Ela apenas será incluída na ordem do dia para conhecimento do plenário. Após essa etapa de publicidade, a Mesa Diretora encaminhará cópia do relatório para o Ministério Público Estadual, Federal e do Trabalho e também para os Poderes Públicos municipal, estadual e federal.

Participaram da reunião o presidente Marcelo Zappe Bisogno, vereador João Kaus (1º vice-presidente), Sandra Rebelato (2ª vice-presidente) e Dra Deili (1ª secretária).  As vereadoras Sandra Rebelato e Dra Deili, que eram suplentes, assumiram os cargos na Mesa em razão da renúncia formal dos vereadores Coronel Vargas e Admar Pozzobom. Coronel Vargas ocupava a 2ª vice-presidência e Admar, a primeira secretaria. A vereadora Marta Zanella acompanhou a reunião…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

7 Comentários

  1. Eu já acho que, pela primeira vez, está havendo coerência na decisão de nem ler o tal relatório. Se os governistas já sabiam o objetivo da dita CPI, para que ficar perdendo tempo com leituras? Eles vão ler, e ler, e ler aquele monte de letra e no final, a conclusão será que os verdadeiros culpados foram os jovens que foram até a boate e também dos pais que os deixaram ir. Infelizmente, é isto.

  2. Isso é uma vergonha para o Legislativo santa-mariense. Continuo afirmando que o respeito para com os familiares e para com as vítimas da tragédia deveria ser o primeiro sentimento a ser levado em conta. Não foi! Lendo e ouvindo tudo o que foi revelado, não tenho outro sentimento senão o da tristeza absoluta pela forma como tudo foi conduzido.

  3. Essa decisão é a cereja de um bolo abatumado, mal cheiroso, impossível de engolir e, enfim, PODRE!
    Não é que eu esperasse coisa melhor, mas, lá num cantinho da alma, eu tinha um fiozinho de esperança que esses vereadores mostrassem, ao menos uma vez, vergonha na cara e um pingo de consideração pelos eleitores e pelas pessoas assoladas pelo malfadado acontecimento de Janeiro. Eu quis demais de um vereador de 9 mil votos enganados, de outros ditos respeitáveis cidadãos e cidadãs que se elegeram com tantas promessas de decência, mas que sucumbiram, lastimavelmente, a um jogo de interesses pessoais, partidários e financeiros. Que se entregaram de corpo e alma a projetos de poder. A nossa Santa Maria precisa aprender a votar, separando o trigo dessa imensa proliferação de inços, pragas e fungos da política. A Câmara de Vereadores foi ocupada dignamente por pessoas que clamavam por justiça e decência. Como resposta, obtiveram deboche e covardia, escondidos pela sombra de um regimento interno paternal. Acorda Santa Maria!

  4. Estão certos, alguns vereadores, POUCOS, nao merecem ouvir aquela coisa.
    Tinha colocar num envelope, meter num cofre, enterrar num local, encher de cimento e esquecer… E perder a chave…
    Quem leu, eu li, sabe a porcaria que três pessoas formadas, um Dr., conseguiram fazer.. Faltou gerundismo da Maria e sobrou falta de opinião do Dr.

  5. Quem tem que estar feliz com estes Edis, é que votou neles, não sei como conseguem ficar em plénario dia de sessão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo