CongressoPartidosPolítica

TÁ, E DAÍ? Conselho de Ética da Câmara instaura na terça processo contra Bolsonaro, por quebra de decoro

Bolsonaro: extrapolou. Mas vai dar em algo?
Bolsonaro: extrapolou. Mas vai dar em algo?

O corporativismo tem salvado a pele de um notório homofóbico, que, agora, extrapolou, ao ofender gravemente uma colega. No caso, o capitão Jair Bolsonaro, representante da extrema-direita bem fascista no Congresso Nacional. Tanto é verdade que, embora seja um crime universal, apenas quatro dos quase 30 partidos com representação na Câmara dos Deputados, entraram com um pedido de abertura de processo por quebra de decoro parlamentar.

É exatamente essa solicitação que será instaurada nesta terça, como você pode conferir no material originalmente publicado no portal da Câmara dos Deputados. A foto é do Feicebuqui. A seguir:

Conselho de Ética instaura processo contra Bolsonaro na terça

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar marcou para terça-feira (16) reunião para instaurar o processo contra o deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ). Durante a reunião será definido o relator da representação  a partir de uma lista tríplice.

Na última quarta-feira (10), quatro partidos (PT, PCdoB, PSB e Psol) entraram com uma representação no Conselho de Ética contra o deputado por quebra de decoro parlamentar.

Bolsonaro afirmou, da tribuna do Plenário, que não estupraria a deputada Maria do Rosário (PT-RS) porque ela não merecia.

Regulamento do Conselho
O conselho também deve votar a proposta que altera o regulamento do colegiado.

A proposta visa ajustar as práticas que disciplinam as reuniões às normas do Código de Ética aprovado em 2011. Entre os itens, está, por exemplo, a mudança no prazo do pedido de vista – de duas sessões para dois dias úteis.

A reunião será realizada às 14 horas, no plenário 11.”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo