EconomiaNegócios

VEÍCULOS. Entrada de novos táxis vira motor do mercado de carros “0 Km” e reduz as perdas do ano

Está certo: não é nenhuma maravilha, especialmente se considerados os três últimos anos e até mesmo outros meses. Mas, ainda assim, setembro mostrou uma pequena elevação no emplacamento de carros “zero quilômetro” em Santa Maria, conforme o Registro Nacional de Veículos Automotores, o Renavam. Ninguém duvida: a variável que ajudou o desempenho do mês passado foi a entrada de novos táxis na cidade e foram as revendas locais que abasteceram essa demanda.

Os números são bastante razoáveis, se considerados os períodos anteriores. Foram, mês passado, 452 carros novos (entre automóveis e comerciais leves). Um crescimento de cerca de 9 % em relação aos 418 de agosto. No ano, a situação não é muito diferente, se considerando o cenário de retração. Entre janeiro e setembro deste ano foram emplacados em Santa Maria exatas 3.735 unidades. Isso significa algo como 15% menos que em igual período de 2014, quando foram comercializados 4.415.

Como curiosidade, você tem, a seguir, a quantidade de veículos emplacados por concessionária autorizada:

1) VW……………….. 91

2) FORD…………… 67

3) GM………………. 56

4) RENAULT…….  44

5) HONDA………..  35

6) NISSAN……….. 34

7) FIAT…………….  28

8) OUTROS……… 97

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo