EconomiaSanta Maria

NÃO CUSTA LEMBRAR. O Polo de Defesa de SM ainda caminha para a consolidação. Não foi em 2015

Confira a seguir trecho da nota publicada na madrugada de 14 de dezembro, domingo:

FUTURO. Encontro coloca como objetivo para 2015 consolidar ideia de Santa Maria um “Polo de Defesa”

Uma reunião, na última quinta-feira, promovida pela Agência de Desenvolvimento de Santa Maria (Adesm), avaliou 2014 e projetou 2015, especificamente em relação às ações do Polo de Defesa. Aliás, a primeira constatação do encontro, que teve a participação de cerca de 25 pessoas, entre representantes das Forças Armadas e de empresários da área, entre outros, é que o Polo de fato existe.

Mas, e o que mais? Em relação ao Seminário Internacional recém-encerrado e o que virá por aí, inclusive a própria consolidação do Polo? Confira no material produzido pela assessoria de comunicação da Adesm. O texto e a foto são de Marielle Flôres. Um trecho, a seguir:

Polo de Defesa realiza avaliação do ano

…Buscando ampliar o diálogo com as instituições de ensino e pesquisa – tema amplamente apoiado e debatido no I Seminário Internacional de Defesa, o professor Marco Bandeira, realizou uma apresentação do Colégio Técnico Industrial da Universidade Federal de Santa Maria...”

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI 

PASSADO EXATAMENTE UM ANO da publicação da nota, ninguém pode afirmar que o Polo de Defesa se consolidou, como era o desejo de então. Há ainda um caminho a ser percorrido, ninguém duvida. E pode demorar.

 

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo