Santa Maria

DISTRITOS. Subprefeito desabafa e reclama, para vereadores, sobre a falta de condições de trabalho

Bolinha (PMDB), Jorjão (Rede), Luciano Guerra (PT) e Vanderlei Araujo (PP) vistoriaram o distrito. Foto Fabricio Vargas

Por Fabricio Vargas / Assessoria de imprensa de Luciano Guerra

A Comissão de Políticas Públicas, Assuntos Regionais e Distritais esteve na tarde de segunda-feira, 15, no distrito de Arroio do Só, na intenção de vistoriar as estradas e ouvir a comunidade que reclama da falta de atenção por parte da prefeitura.

Os parlamentares foram recebidos na sede da subprefeitura pelo próprio subprefeito e representantes da comunidade local. Eles tiveram a oportunidade de manifestar as demandas da região.

“A reclamação é geral, principalmente na falta de manutenção das estradas, que não tem valetas para escoar a água da chuva, os bueiros que estão entupidos e o trabalho mal feito”, disse o vereador Luciano Guerra, presidente da Comissão.

Para o subprefeito, Antônio Roberto Poerschke, que responde pelos distritos de Arroio do Só, Arroio Grande e Palma, a prefeitura está tratando de forma inadequada a questão dos distritos. Ele reclama da falta de comunicação da secretaria responsável, pois não sabe quando o serviço vai ser feito.

“Nem fico sabendo de nada, quando vejo as máquinas estão nas estradas, mas nem falam com o subprefeito, que sabe onde estão os problemas. Depois das últimas chuvas não veio mais máquinas para cá. Outro problema é que precisa ter uma pedreira aqui perto. Nesses oito meses de governo veio poucas cargas pra cá”, lamentou.

Após ouvirem a comunidade, os vereadores percorreram as estradas do distrito, acompanhados do subprefeito. Os moradores da localidade ainda reclamam da falta de iluminação pública, mas a principal reivindicação é a falta de estradas em condições.

Estiveram presentes os vereadores Luciano Guerra (PT), Jorjão (Rede), Vanderlei Araújo (PP) e Adelar Vargas (PMDB).

ATENÇÃO


1) Tua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo