CIDADANIA. Grande “cultura de afetos” está por trás do sucesso mundial dos eventos da economia solidária

CIDADANIA. Grande “cultura de afetos” está por trás do sucesso mundial dos eventos da economia solidária

CIDADANIA. Grande “cultura de afetos” está por trás do sucesso mundial dos eventos da economia solidária - ecosol-1

Câmara lotou para receber os organizadores dos eventos de julho. Inclusive o coordenador geral, prefeito Jorge Pozzobom (no destaque – com a coordenadora do Projeto Esperança, irmã Lourdes Dill; secretária de Cultura, Marta Zanella; e do servidor municipal, Juarez Piccini

Por MAIQUEL ROSAURO (texto e fotos), da Assessoria de Imprensa dos Eventos

Uma sessão de cinema marcou a Plenária Geral em preparação a 25ª Feira Internacional do Cooperativismo (Feicoop) e 3º Fórum e 3ª Feira Mundial de Economia Solidária. O encontro foi realizado na tarde deste domingo (24), na Câmara de Vereadores de Santa Maria, na presença de dezenas de grupos que integram o Projeto Esperança/Cooesperança, promotor dos eventos junto à Prefeitura de Santa Maria.

No início da reunião foi apresentado pela primeira vez o documentário “Cultura de Afetos”, dirigido por Neli Mombelli, com produção da TV Ovo e financiamento da Lei de Incentivo à Cultura. O filme de 50 minutos foi gravado em 2017, durante a Feicoop, e mostra como as redes de solidariedade se conectam numa cultura de afetos que defende a diversidade e a sustentabilidade.

“Tentamos mostrar como a vida de vocês constrói a Feira. É uma história de vida e de trocas, pois muitas vezes vocês ensinam os consumidores a como fazerem os produtos em casa”, relatou Neli durante uma breve apresentação do documentário.

Após a sessão, a coordenadora do Projeto Esperança/Cooesperança, irmã Lourdes Dill, comandou a Plenária numa grande tarde de formação. O principal objetivo era nivelar as informações do evento entre todos os grupos. A religiosa demonstrou bom humor e disposição para, mais uma vez, realizar uma grande Feira.

“Vamos ter uma Feira muito significativa. Durante esses dias intensos de trabalho, precisamos alimentar um pensamento positivo. Queremos um clima alegre, esperançoso, profético, sobretudo, este ano, para celebrar este jubileu”, disse irmã Lourdes.

O encontro também contou com a participação da vereadora Celita da Silva (PT), da secretária municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Marta Zanella (PMDB), e do prefeito de Santa Maria, Jorge Pozzobom (PSDB), que pelo segundo ano consecutivo assume o posto de coordenador geral da Feira.

“Sei que temos um problema com o trânsito, já que a Rua Heitor Campos, principal acesso à Feira, agora é mão única. Vamos dar um jeito. As questões de infraestrutura também são uma determinação nossa e estamos fazendo tudo o que podemos para ajudar”, assegurou o prefeito.

A 25ª Feicoop será realizada entre os dias 12 e 15 de julho, no Centro de Referência de Economia Solidária Dom Ivo Lorscheiter, em Santa Maria. O tema do evento será “Construindo a sociedade do bem viver: por uma ética planetária”.

Mais informações com o Projeto Esperança/Cooesperança, pelo telefone (55) 3219-4599.

Curta a página da Feicoop no Facebook: https://www.facebook.com/feicoop.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *