CampanhaEleições 2018PesquisaPolítica

METHODUS. Pesquisa mostra Ana Amélia e Paim na frente para o Senado. Mas há 2 outros não tão longe

No portal do jornal CORREIO DO POVO, com imagem de Reprodução

O Instituto Methodus realizou pesquisa em 25 municípios no Estado, entre os dias 19 a 25 de junho, sobre a intenção de voto para as duas vagas em disputa no Senado. Na menção espontânea para o Senado, o número de eleitores que ainda não sabe em quem votar é de 83,3%. O cenário estimulado para o Senado foi pesquisado por meio de uma simulação múltipla, onde o entrevistado poderia escolher dois nomes entre os candidatos citados. Ana Amélia Lemos (PP) lidera, obtendo 35,7% das intenções de voto, seguida por Paulo Paim (PT) com 32,2%.

Na pesquisa do Instituto Methodus os entrevistados também foram ouvidos sobre sua avaliação do governo do Rio Grande do Sul. A amostra é composta por 1 mil entrevistas, com eleitores de ambos os sexos. A margem de erro da pesquisa é de 3,0 pontos percentuais, para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%. A pesquisa está registrada no TSE sob o número RS-05933/2018.

A pesquisa foi realizada pelo Instituto Methodus sob encomenda do Instituto Methodus Análise de Mercado Sociedade Simples Ltda. entre os dias 19 e 25 de Junho de 2018 com mil entrevistados, possui margem de erro de três pontos percentuais para mais ou para menos e intervalo de confiança de 95%. Está registrada no TSE sob o protocolo RS-05933/2018.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo