FUTEBOL E…. Orlando Fonseca, Copa do Mundo e o segundo tempo da política brasileira. Sim, tem a ver!

FUTEBOL E…. Orlando Fonseca, Copa do Mundo e o segundo tempo da política brasileira. Sim, tem a ver!

FUTEBOL E…. Orlando Fonseca, Copa do Mundo e o segundo tempo da política brasileira. Sim, tem a ver! - orlando-chamada-1“…Agora o Tite, ao não abrir mão de Gabriel Jesus e William, que não jogaram o que fazem em seus clubes, e só escalar Firmino e Douglas Costa depois do desastre, mostra ser imprescindível que, no projeto de longo prazo da CBF, haja uma cláusula: treinador precisa endurecer a cabeça, pero sin perder a leitura de jogo jamais.

Então é o seguinte, dentro das quatro linhas do jogo político, estamos no segundo tempo. E estamos perdendo. Assim como no futebol, em que os europeus parecem estar recuperando a hegemonia, por aqui andamos na contramão. Enquanto nações de primeiro mundo estão adotando uma política de…”

CLIQUE AQUI para ler a íntegra da crônica “Na contramão”, de Orlando Fonseca. Orlando é professor titular da UFSM – aposentado, Doutor em Teoria da Literatura, PUC-RS, e Mestre em Literatura Brasileira, UFSM. Exerceu os cargos de Secretário de Cultura na Prefeitura de Santa Maria e de Pró-Reitor de Graduação da UFSM. Escritor, tem vários livros publicados, foi cronista dos Jornais A Razão e Diário de Santa Maria. Tem vários prêmios literários, destaque para o Prêmio Adolfo Aizen, da União Brasileira de Escritores, pela novela Da noite para o dia, WS Editor; também finalista no Prêmio Açorianos, da Prefeitura de Porto Alegre, pelo mesmo livro, em 2002.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *